Resumo Literatura
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Resumo Literatura

le

  • 10,287 vues

 

Statistiques

Vues

Total des vues
10,287
Vues sur SlideShare
10,287
Vues externes
0

Actions

J'aime
2
Téléchargements
205
Commentaires
1

0 Ajouts 0

No embeds

Accessibilité

Catégories

Détails de l'import

Uploaded via as Microsoft Word

Droits d'utilisation

© Tous droits réservés

Report content

Signalé comme inapproprié Signaler comme inapproprié
Signaler comme inapproprié

Indiquez la raison pour laquelle vous avez signalé cette présentation comme n'étant pas appropriée.

Annuler
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Êtes-vous sûr de vouloir
    Votre message apparaîtra ici
    Processing...
  • Boa Noite!
    Analisando seu Site, percebi o quanto você gosta de literatura brasileira. Venho por meio de este e-mail indicar o site download-de-livros-gratis... o qual possui um acervo muito grande de livros da literatura brasileira e mundial para download grátis em PDF. Após analisar e conhecer nosso site, você pode indicar livros de literatura nas suas postagens, estando assim enriquecendo as suas postagens sem ter que gastar espaço em seu site para armazenar arquivos em PDF, indique livros grátis nas suas postagens sem nenhum custo...
    http://www.download-de-livros-gratis.com/livros-de-literatura/

    Parabenizo a você pelo belo site...
    PS... Temos um acervo de mais de 2000 livros de literatura que estão sendo atualizado diariamente, ate o final de Julho todos os livros estar
    Atenciosamente:
    Valdirene Silva
    Êtes-vous sûr de vouloir
    Votre message apparaîtra ici
    Processing...
Poster un commentaire
Modifier votre commentaire

Resumo Literatura Document Transcript

  • 1. TROVADORISMO (séc. XII)- União da música e poesia=cantigas- Marcada pela presença sentimental, da paixão não correspondida, e das sátiras.*Cantiga de amor- vida na corte- amor de um homem não correspondido por uma mulher- eu lírico masculino*Cantiga de amigo- saudade da mulher pelo seu amado- eu lírico feminino*Cantigas de Escárnio- faz uma critica indiretamente de forma irônica, sem citar nomes, linguagemelegante.- critica subentendida*Cantigas de Maldizer- cita o nome da pessoa criticada, linguagem vulgar- critica diretaHUMANISMO (séc. XIII-XIV)- Troca da visão teocentrica pela visão antropocêntrica*Humanismo em Portugal (séc. XV)- período das grandes navegações- historiografias de Fernão Lopes- poesia palaciana- teatro de Gil Vicente- literatura moralista de Avis • Fernão Lopes - escreveu histórias em forma de crônicas - recebeu a missão de escrever sobre a historia dos reis de Portugal - valorizar o povo como personagem e agente da historia • Poesia Palaciana - separação da música e da poesia - uso da redondilha maior • Gil Vicente - “pai do teatro português” - temas religiosos - Autos pastoris: Auto pastoril português Autos de moralidade: Auto da barca do inferno Farsas: Farsa de Inês Pereira • Literatura moralista e didática de Avis - opiniões pessoais e de outros sobre a caça, normas e padrão para a nobreza.
  • 2. CLASSICISMO (Séc. XV)- Novos tempos em toda a Europa- Rompimento cada vez maior com a igreja*Classicismo em Portugal- Francisco Sá de Miranda: Os estrangeiros. (Primeiro autor)- Escritas mais importantes: Luis Vaz de Camões • Luis Vaz de Camões - Os lusíadas, contou a história de Portugal, narrando a ida de Vasco da Gama ás Índias. - a obra pode ser dividida em cinco partes: proposição, invocação, dedicatória, narração e epílogo.QUINHENTISMO- Tinha dois principais motivos de criação: catequizar os índios e informar o povoportuguês sobre as riquezas e curiosidades do Brasil- Literatura jesuíta (ou catequetica) e literatura de informação*Literatura jesuíta- tinha o intuito de evangelizar os índios brasileiros- Padre José de Anchieta*Literatura de informação- criada para informar os que haviam qualquer tipo de curiosidade quanto ao Brasil- Pero Vaz de CaminhaBARROCO (Séc. XVI-XVIII)- Vinculado a contrarreforma católica.- Caracterizado pelo exagero, excessiva ornamentação.- Algumas Características  Contraste: aproximação de valores antagônicos: velho e novo, céu e terra  Pessimismo: desvalorização da vida. Textos com caráter melancólicos  Conflitos: permanente entre a razão e a fé  Fusionismo: fusão entre as perspectivas medievais e renascentista, contraste de luz e sombra.  Feismo: exploração da miséria humana, fugindo do culto renascentista ao belo.  Rebuscamento: arte excessivamente trabalhada. Textos excediam-se nas contradições.- Principal escritor: Gôngora, poeta espanhol.*Barroco em Portugal- Poucos destaques nesse período- Dois fortes acontecimentos em Portugal: morte de Luis Vaz de Camões e domínioespanhol sobre o território luso*Barroco no Brasil- Ponta pé inicial: publicação de Prosopopéia de Bento Teixeira (1601)- Antônio Vieira, com seus sermões.- Gregório de Matos, criticando sempre a sociedade baiana.
  • 3. ARCADISMO- Retomou a temática e formas da estética clássica greco-romana.- São exemplos de temas  Carpe diem (“viver o momento”): convite que o pastor faz a pastora para viverem o presente sem se importar com o futuro.  Inutilia truncat (“cortar o inutil”): corta o excedente, busca o equilíbrio, moderado, conciso e simples.  Lócus amoenus (“lugar agradável”): lugar propicio ao amor, onde reina a paz.  Áurea mediocritas (“esquilibrio do ouro”): o ideal de simplicidade, paz e tranqüilidade, sim excesso.  Fugere urbem(“fugiu da cidade”): a idealização bucólica pastoril, o paraíso no campo*Arcadismo em Portugal- Bocage, maior poeta da época. Com o pseudônimo pastoril de Elmano Sadino.*Arcadismo no Brasil- Marco inicial: publicação de ‘Obras poéticas’ de Cláudio Manoel da Costa- Cláudio Manoel da Costa, apresenta um cenário típico de Minas Gerais, maiscaracterístico da região de Vila Rica e Mariana: montanhas, montes, pedras,penhascos.- Tomás Antonio Gonzaga, adotou o pseudônimo de Dirceu. Principais obras:Marilia de Dirceu e Cartas Chilenas- Silva Alvarenga, com o pseudônimo de Alcindo Palmireno publicou ‘Glaura’- Alvarenga Peixoto: sua obra literária mostrava as principais características doarcadismo: sentimentos bucólicos e nativistas.- Basílio da Gama, como prova de seu anti-jesuitismo dedicou seu poema ‘OUruguai’, ao seu protetor Marquês de Pombal. O tema era a nefasta ação jesuítasnos Sete Povos das missões e cantava os feitos heróicos do Marquês- Santa Rita Durão, seu poema épico foi ‘Caramuru’ que descreve paisagensbrasileiras e costumes indígenas, assumindo caráter nativistaROMANTISMO- Busca do homem feliz, resgato do homem bom e puro*Romantismo em Portugal- Teve inicio com a publicação de ‘Camões’ por Almeida Garrett- Alexandre Herculano, sua obra é marcada pela capacidade de investigação dahistória.*Romantismo Brasileiro- Primeira Geração Romântica (poesia)  Iniciou com a publicação de ‘Suspiros poéticos e saudades’ de Gonçalves de Magalhães  Gonçalves Magalhães descreve a tema brasileiro com tons acentuadamente idealizados e adquire cores paradisíacas  Principais características: nacionalismo e indianismo- Segunda Geração (ultraromânticos)  O desejo de morrer, a incompreensão do mundo, o escapismo, o exagero fantasioso, o gosto pelo mórbido, a melancolia profunda são características dessa fase  Álvares de Azevedo foi considerado o principal escritor dessa época. Sua principal obra foi ‘Lira dos vintes anos’
  • 4.  Casimiro de Abreu usou uma linguagem simples e de fácil assimilação  Fagundes Varela, a vida boêmia e a morte do filho marcaram seus textos com um caráter melancólico- Terceira Geração (condoreira)  Inspirada pelos ideiais libertaria defendida por Victor Hugo  Castro Alves, a principal característica das suas obras é o abolicionismo. Por isso acaba recebendo o apelido de ‘Poeta dos escravos’PROSA ROMANTICA BRASILEIRA- Principais escritores  Joaquim Manuel Macedo: foi o mais popular, pela fácil identificação da sociedade com seus romances. ‘A moreninha’  José de Alencar: ele foi nacionalista, indianista, regionalista e historiógrafo, sem deixar de retratar a paisagem urbana e os costumes da corte. Exaltou a diversidade do Brasil. ‘A Iracema’ e ‘Senhora’  Manuel Antonio de Almeida: a única grande obra foi ‘Memórias de um Sargento de Milícias’, seus personagens eram mais realistas do que idealizados.  Bernardo Guimarães: principal obra ‘A escrava Isaura’REALISMO- Nada de idealização. Obras baseadas no conhecimento*Realismo em Portugal  Antero de Quental: sua obra conta o tradicionalismo e o catolicismo. Ele buscava o sentido interior, uma razão para a existência.  Guerra Junqueiro: sua principal característica foi o apelo ao místico e à simplicidade  Cesário Verde: o confronto entre burguesia e o proletariado foi um traço narrado em seus poemas, mas com apelo irônico e humorístico  Erça de Queiroz: seu principal alvo era a burguesia portuguesa. Sua obra pode ser dividida em três partes 1. Romântica: Prosas bárbaras 2. Realista-naturalista: O primo Basílio 3. Realista-fantasioso: A Capital*Realismo Brasileiro- Apareceu no cenário nacional após a publicação de ‘Memórias Póstumas deBrás Cuba’ de Machado de Assis- Podemos dividir em duas fases a obra de Machado de Assis 1. Fase romântica ou de amadurecimento: fase que foge dos padrões típicos do período, porque não era sentimentalista exagerado 2. Fase realista ou de maturidade: período em que ele sorte influencia dos realistas. Em suas obras, nessa fase, ele busca estabelecer um vinculo com o leitor e a reflexão sobre a própria obra.