Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.

Desafio profissional

22 064 vues

Publié le

Meio Ambiente

Publié dans : Formation
  • Com dificuldade para elaboração dos seus trabalhos acadêmicos? Posso Te ajudar! trabalho com elaboração de trabalho acadêmico sem risco de plágio, e com referência de alunos de todo o Brasil. Contatos: choairylima@gmail.com WhatsApp: 85 9 81048004
       Répondre 
    Voulez-vous vraiment ?  Oui  Non
    Votre message apparaîtra ici

Desafio profissional

  1. 1. DESAFIO PROFISSIONAL POLO DE TUPÃ - PEDAGOGIA / 1ª SÉRIE 2º SEMESTRE DISCIPLINAS NORTEADORAS: DIDÁTICA, LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS E RESPONSABILIDADE SOCIAL E MEIO AMBIENTE CAMILA POSSARI RA 8978203697 MEIO AMBIENTE, GLOBALIZAÇÃO E HUMANIDADE. SIMONE ANACLETO PARIZ ASSIS 11/2014
  2. 2. Introdução • O presente trabalho tem como objetivo, após um levantamento inicial da realidade encontrada, propor alternativas e soluções para o desenvolvimento e aprimoramento da qualidade de vida das pessoas que habitam uma comunidade urbana a qual é seccionada por um córrego poluído, e sofrem com as consequências disso, que além de estruturais, estão relacionadas a saúde e ao próprio relacionamento dos cidadãos.
  3. 3. Passo 1 – Após análise dos problemas tem-se as medidas adotadas para melhorar as condições necessárias e possíveis. Impactos causados pela poluição no córrego no cotidiano Medidas adotadas para a melhoria da qualidade da água do córrego Grande número de insetos encontrados Uso de inseticida natural Mal cheiro Iniciar um processo para reverter a poluição por meio do tratamento que será aplicado ao esgoto antes de ser depositado no córrego Doenças Projetos de conscientização relacionados a mudança de hábitos como jogar lixos no rio, ferver a água antes de usar, usar chinelos e não tomar banho e ingerir água contaminada Diminuição do fornecimento de água Parcerias com o município para o uso de caminhões pipas e poços artesianos longe do córrego poluído mas de possível acesso a população
  4. 4. Passo 2 – Definição dos grupos da sociedade e sugestões de sua participação na mesma. Grupos da sociedade civil organizada Ações que podem ser desenvolvidas Rádio Comunitária Vinhetas com dicas acessíveis relacionadas a informações importantes à comunidade, como dias que o caminhão pipa virá, ou como andam os projetos desenvolvidos pela prefeitura para que desta forma possa haver uma fiscalização e cobrança. Cooperativas Incentivos ao plantio de frutas e vegetais que respeitem os cuidados relacionados à higiene e ao bem estar da população. Grupos Culturais Apresentações de dança, música e filmes relacionados ao meio ambiente, sendo assim uma forma didática de modificar e adquirir hábitos saudáveis e higiênicos. Grupos Ambientalistas Cursos e palestras interessantes que possam envolver a sociedade e educa-los sobre medidas necessárias para que as crianças e adultos não poluam mais e desta forma preservem suas saúdes, como não jogar lixo no córrego, lavar bem as frutas e vegetais, ferver a água,lavar bem as mãos.
  5. 5. Passo 3 – Ações propostas que devem ser adotadas pela escola para a mobilização dos conhecimentos voltados a resolução dos problemas. Ações que podem ser desenvolvidas na escola Detalhamento das ações Noções de Saneamento básico Conjunto de medidas adotadas em uma região, em uma cidade, para melhorar a vida e a saúde dos habitantes impedindo que fatores físicos de efeitos nocivos possam prejudicar as pessoas no seu bem-estar físico mental e social Instrução sobre os direitos dos cidadãos relacionados a saúde O abastecimento de água potável, o esgoto sanitário, a limpeza urbana, o manejo de resíduos sólidos e drenagem das águas pluviais são o conjunto de serviços de infraestruturas e instalações operacionais que vão melhorar a vida da comunidade e que devem ser prestados pelo município. Palestras relacionadas a higiene e medidas profiláticas higienização, em todas as suas formas, evita a transmissão e/ou contágio por agentes infectocontagiosos, logo é uma medida profilática
  6. 6. Passo 4 – Leitura da comunidade Problemas, especificidades e características da comunidade Sugestões de melhorias que podem ser contempladas no Plano Diretor Municipal Falta de fiscalização a terrenos ou estruturas abandonadas A fiscalização sanitária abrangerá especialmente a higiene dos logradouros públicos, das edificações, da alimentação, dos estabelecimentos comerciais, prestadores de serviço, das piscinas de natação, bem como o controle de poluição ambiental e a limpeza de terrenos, cursos de água e valas. Punição inexistente àqueles que jogam lixo no córrego Na infração de qualquer artigo deste Capítulo, será imposta a multa de 1 a 3 vezes o valor da Unidade Fiscal do Município (UFM), elevada ao dobro em caso de reincidência. Proprietários não tomam as devidas providências relacionadas a limpeza de seus terrenos, manutenção das saídas de escoamento de água e guias. No caso de não cumprimento das disposições do item III, a Prefeitura mandará fazer os serviços, cobrando do construtor, a importância correspondente, acrescida de 20% e no caso de entupimento de galeria de águas pluviais, ocasionado por serviço particular de construção, conserto e conservação, a Prefeitura providenciará a limpeza da referida galeria, correndo as despesas, acrescidas de 20% (vinte por cento) por conta do proprietário, construtor ou ocupante do imóvel.
  7. 7. Conclusão • Após esta análise e sequenciamento de informações podemos notar que com o auxilio da sociedade como um todos, o município encontra-se em uma situação capaz de ser revertida, sendo necessárias algumas medidas como: Projetos educacionais relacionados a mudanças de hábitos de higiene, envolvimento da sociedade para cobrar as ações que devem ser tomadas pelo município e ajuda do município para cumprir seus deveres e zelar pela saúde e bem estar da população.
  8. 8. Referências • BRANDÃO, C.R. (Org.). Pesquisa participante. 8ªed. São Paulo: Brasiliense, 1990 • Política Nacional de Promoção da Saúde. Anexo I. Ministério da Saúde. Disponível em:http://portal.saude.gov.br/.Visualizado em 05/11/2014 • TINOCO, Marta. Saúde Coletiva.Apostila: Universidade Estácio de Sá. • CZERESNIA, Dina; FREITAS, Carlos Machado de. Promoção da saúde: conceitos, reflexões, tendências. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 2005. 174 p. • SHEPHARD, Roy J. Envelhecimento, atividade física e saúde. São Paulo: Phorte, 2003. 485 p. • ROUQUAYROL, Maria Zelia; ALMEIDA FILHO, Naomar de. Epidemiologia e saúde. 6. ed. Rio de Janeiro: MEDSI, 2003. 708 p.

×