Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.
Pessoas com mais de 55 anos que acessam a web têm
                         maior grau de escolaridade e padrão de vida mai...
Comportamento


“Em comportamento, as matérias
                                                                           ...
Comportamento


                                                                                                          ...
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

Terceira idade.

2 374 vues

Publié le

Matéria da Revista @proxxima de nº 20 que tratará do usos, hábitos e comportamentos dos 'velhos' na internet.

Publié dans : Technologie
  • Soyez le premier à commenter

Terceira idade.

  1. 1. Pessoas com mais de 55 anos que acessam a web têm maior grau de escolaridade e padrão de vida mais alto que a média dos usuários brasileiros Fernanda Bottoni Diariamente, a paulista Dorcy Guazzelli das Artes e no bairro do Itaim, zona sul de século, eles devem chegar a 64 milhões de passa cerca de seis ou sete horas conectada à São Paulo, tem 80 anos de idade? Pois é isso pessoas, ou seja, 30% da população”, afirma internet. Ela recebe de 30 a 50 e-mails, baixa mesmo. Dona Dorcy é um belo exemplo do Arthur Horta O´Leary Jr., criador da Brasil músicas, lê as notícias, acessa sites de revis- grupo de consumidores que o mercado vem Data Senior & Comunicação. Juntos, eles tas, frequenta blogs de política e, sempre que chamando de “novos velhos”, aqueles que, têm renda mensal de 7,5 bilhões de reais e, acha pertinente, deixa seus comentários. como ela, trocaram atividades como tricô e nas regiões metropolitanas, estão em maior Quando precisa pesquisar algum assunto, crochê – ou damas e xadrez, para os homens número nas classes A/B. recorre ao Google. Se quer comprar um pre- – pelo computador conectado à internet. Segundo dados do Ibope Monitor, só em sente, abre o browser dos sites Submarino, “A gente tende a achar que a internet é ape- maio deste ano, três milhões de pessoas com Americanas.com e Polishop para comparar nas para o público jovem e isso não é mais 55 anos ou mais navegaram na internet de preços. Depois, efetua a compra e já manda verdade. Claro que a penetração em termos casa ou do trabalho. “A fatia já representa 8% entregar o produto no endereço do presen- percentuais é maior entre as pessoas de até de todos os usuários ativos do mês”, afirma teado. É tudo muito prático, diz ela, que já 34 anos. Mas a fatia dos que têm mais de 55 José Calazans, analista do Ibope Mídia. O comprou panela elétrica, máquina de lavar, anos vem crescendo muito”, afirma André total é formado por 1,,9 milhão de homens e monitor e impressora multifuncional pela Zimmermann, CEO da Havas Digital Brasil. 1,1 milhão de mulheres. “Esses usuários na- internet. vegaram, em média, 53 horas e 49 minutos. Dorcy também já comprou no Mercado- UsUários de alto nível O tempo fica abaixo da média do mês, de 69 Livre e utilizou algumas ferramentas de Segundo dados do IBGE e do Painel Brasil horas e 8 minutos, mas está longe de ser des- comparação de preços, como o Buscapé, e já Data Senior 2009, criado pela Somatório Pes- prezível.” teve um perfil no Orkut. Não gostou da expe- quisa em parceria com a Brasil Data Senior Segundo dados do Centro de Estudos sobre Comportamento riência das mídias sociais porque achou as & Comunicação com objetivo de responder as Tecnologias da Informação e da Comuni- VELHO É QUEm pessoas meio indiscretas. quem é, como vive e o que consome o novo cação (Cetic.br), o crescimento da participa- Com tudo isso, quem imaginaria que idoso brasileiro, as pessoas com mais de ção dos idosos entre os internautas vem fi- Dorcy, que durante 15 anos teve lojas de pre- 55 anos formam um mercado de quase 20 cando claro nos últimos anos. Em 2009, eles sentes e móveis na cidade paulista de Embu milhões de consumidores. “Até o meio do representaram 5% dos usuários brasileiros, ACHA QUE A WEB É SÓ DOS JOVENS 56 proXXima Julho 2010 Lojas virtuais como Americanas.com e Mercado Livre já fazem parte do compprtamento de compra de pessoas com mais de 55 anos proXXima Julho 2010 57
  2. 2. Comportamento “Em comportamento, as matérias Por um mês a marca veiculou a campanha dativamente. “Percebemos que as pessoas Foto: Divulgação “O que é a maturidade para você?” em sites e maduras querem interagir com a marca de mais populares são sobre felicidade, blogs voltocados a esse público. “Recebemos cerca de 130 respostas em nosso site e mais forma mais colaborativa”, afirma. Seu foco, ao contrário dos mais jovens, parece ser autoestima e sexualidade. umas 130 nas outras mídias. Vieram textos fantásticos”, conta Flavio Rijo, diretor da Ma- mais a troca de informações do que a gera- ção de barulho e polêmica. Outra opção muito acessada é a turi. Preocupada com o conforto dos clientes maduros, a Maturi desenvolveu embalagens Comunidade” UsaBilidade real Segundo Rijo, a participação desse público mais fáceis de manusear e rótulos mais legí- veis. “No fim das contas, todo mundo merece – sirlene saboia, uma das sócias do Clube vida moderna no mercado consumidor é cada vez mais ter uma leitura mais fácil dessas informa- relevante. “Eles têm mais tempo, mais in- ções, não é?”, questiona Rijo. Portal focado no público acimas dos 50 anos formação e, consequentemente, são consu- Outro portal é o Maisde50.com.br, funda- contra 2% em 2008. “De um ano para outro, dos internautas com mais de 60 anos está na midores mais exigentes”, diz ele. A marca, do em 1999 com objetivo de estimular a dis- retor de tecnologia da Focusnetworks Brasil, a fatia mais do que dobrou”, afirma Alexan- área rural.” voltada principalmente para a classe A, tem cussão sobre a maturidade, o tempo e suas agência de social business. dre Barbosa, gerente do Cetic.br. Analisando esses dados, a conclusão mais site corporativo e loja virtual. “É uma loja implicações biológicas, psíquicas, sociais e O portal disponibiliza também a comu- Mais interessante ainda que o aumento da direta a que chegamos é de que os idosos simples, que entrou no ar no início do ano, culturais. Hoje, ele tem aproximadamente nidade Rede de Amigos Maisde50, espaço participação dessas pessoas na web é o per- com acesso a web são os de classe mais alta, com poucos produtos, e que já tem 250 usuá- 150 mil cadastrados, 70% mulheres e 30% gratuito que possibilita a interação entre os fil que têm esses “novos” internautas. Ainda que podem ter computador em casa e que rios cadastrados”, revela Rijo. homens. Do total de usuários, 68% estão no usuários e a ampliação dos círculos sociais. segundo dados do Cetic.br, 55,3% deles pos- continuam no mercado de trabalho. “O mer- Há menos de um mês, a marca também eixo Rio de Janeiro e São Paulo e 60% ainda Além do espaço virtual, o site promove os suem ensino superior completo ou mais. Vin- cado exige que as pessoas tenham contato criou perfil no Facebook e no Twitter (@ma- têm vida profissional ativa. “Ele é um exce- Encontros Maisde50, que reúnem os inter- te e sete por cento possuem ensino superior com computador e com a internet, esse é um turi_news). Os seguidores ainda são raros, lente exemplo de mídia focada nesse públi- nautas em ambiente real. O Maisde50 afir- incompleto e 20%, ensino médio ou colegial primeiro fator. Além dele, devemos conside- usuários, 44% têm mais de 50 anos, 14% per- mas a expectativa é de que eles cresçam gra- co”, afirma Rafael Kiso, sócio-fundador e di- ma que marcas como Cebion Cálcio, Tylenol completo. rar que cada vez mais as pessoas aprendem tencem à classe A e 44% à classe B. Seguindo A classe A é, de longe, a que mais puxa a a usar a tecnologia porque os sistemas são o perfil padrão dos internautas com mais de média de internautas da terceira idade. “En- cada vez mais intuitivos”, acrescenta Barbo- 50 ou 55 anos, 42% têm curso superior com- tre os brasileiros da classe A com mais de 60 sa. Além disso, eles são também os maiores pleto. anos, 49,2% utilizaram a internet em 2009”, usuários da rede em banda larga. “Quanto De acordo com Sirlene Saboia, uma das só- diz Barbosa. Na classe B, a participação é mais alta a faixa etária, maior a probabilida- cias da empresa, as colunas mais acessadas de 18,2%. Nas C e D, as fatias são de 4,11% e de de o usuário estar navegando em alta ve- são as de comportamento, casa e decoração 0,9%, respectivamente. locidade”, afirma Calazans, do Ibope Mídia. e alimentos e nutrição, nessa ordem. “Em A região Sudeste é também a que tem o comportamento, as matérias mais populares maior índice de internautas entre as pessoas portais soB medida são sobre felicidade, autoestima e sexualida- mais idosas. Sua fatia é maior que a média e Embora ainda pouco numerosos, os sites de”, diz ela. alcança 6,2% da população com mais de 60 focados em pessoas comais mais de 50 anos “Outra opção muito acessada em nosso anos. O Centro-Oeste tem fatia semelhante, já começam a aparecer pela internet. Um portal é a Comunidade (www.clubevidamo- seguido pela região Sul, com 4,6%. O Nor- portal com esse foco é o Clube Vida Moder- derna.ning.com), nam qual os internautas deste tem 2,2% e o Norte, 1,6%. “Outro dado na (www.clubevidamoderna.com.br), que têm a oportunidade de interagir uns com é que praticamente todo esse pessoal é da foi lançado em novembro de 2008 e recebe os outros por chat, fóruns ou blog, trocarem área urbana”, afirma Barbosa. “Apenas 0,2% cerca de 50 mil acessos mensais. Do total de fotos, baixaubir músicas e vídeos,”, diz Sir- lene. A comunidade, segundo ela, foi ideali- zada para oferecer, em um único ambiente, as mesmas opções que o Orkut, Facebook e YouTube. Recentemente, o portal ainda fez uma parceria com a empresa Trabalhando. com, para lançar uma agência de empregos voltada para a terceira idade (empregos.clu- bevidamoderna.com.br). O portal já abrigou diversas campanhas. Entre as empresas que já marcaram presen- ça está a Maturi, marca de cosméticos lança- da em outubro do ano passado com foco nas Clube Vida Moderna: portal para a terceira idade necessidades da pele “madura”. 58 proXXima Julho 2010
  3. 3. Comportamento produtos específicos. “É um público que tem segmentar melhor os produtos e melhorar usuários, a internauta Dorcy não se lem- Foto: Divulgação “Este público é importante porque mais receio e medo de errar, e as lojas pre- cisam disponibilizar sites mais fáceis, com a experiência do cliente na navegação do site,” diz Guasti. Kiso, da Focusnetworks, bra de nenhuma campanha publicitária que tenha visto na web nos últimos tem- está numa fase em que possui navegação simples.” Segundo o diretor do e-bit, os sites preferi- concorda: “As marcas ainda não desenvol- veram uma forma eficiente de comunica- pos. “São todas meio enjoadas”, diz ela, que não se identifica com nenhuma. recursos financeiros e, ao mesmo dos do público de mais idade são aqueles que têm grandes lojas físicas no varejo. Eles con- ção com eles. A atenção ainda está muito restrita à geração Y.” Essa falta de identificação do público com as marcas não ocorre apenas no meio tempo, quer aproveitar a vida” fiam na marca, apesar de raramente as mar- Sirlene, do Clube Vida Moderna, com- digital. A maioria das empresas nacio- cas fazerem alguma ação voltada para eles. plementa: “É difícil encontrar empresas nais ainda tem uma imagem distorcida – Claudio gandelman, presidente do parperfeito Se faz sentido? Para Dorcy, a internauta de 80 que enxergam o grande potencial de con- dos seniores, que acaba se refletindo no anos do início da matéria, completamente. sumo que esse público tem hoje”, diz ela. A desenvolvimento de produtos, serviços e AP e Lentes Varilux, por exemplo, já veicu- que mais tempo tomou desses usuários, se- Ela só compra em sites de marcas conheci- mesma dificuldade é anunciada por Maria campanhas publicitárias. Segundo dados laram ações no portal. Também marcaram guida bem de perto pela categoria serviços. das ou que, pelo menos, exibam um endere- Isabel Marrey Ferreira, que mantém o site do Painel Brasil Data Senior, apenas um presença empresas de construção, como RJZ Em terceiro lugar ficou a categoria de sites ço físico. “Compro na Americanas porque é Bbel (bbel.uol.com.br), focado no público quarto dos seniores consideram os produ- Cyrela, Gafisa e Tecnisa. Recentemente, es- corporativos. A categoria de mensagens ins- uma empresa conhecida. Se eu tiver algum feminino, em que 20% dos usuários são da tos e serviços oferecidos atualmente ade- tava no site um banner do Anúncios Google tantâneas, que abrangeu apenas 62% desses problema, vou lá reclamar. Nem pizza eu terceira idade. “As marcas poderiam pen- quados às suas necessidades. No mercado da empresa Master Health, de cirurgia plás- usuários, ficou em quarto lugar no quesito peço de pizzarias que entregam folheto sem sar em campanhas para quem tem mais internacional, por outro lado, muitas mar- tica e tratamentos. dedicação de tempo. endereço”, diz ela. tempo, mais vivência, mais experiência. cas já estão atentas para as necessidades Segundo dados da Brasil Data Senior, 57% Companhias de turismo já fazem ações desse nicho. “Uma empresa austríaca de Categorias preFeridas dos usuários seniores leem notícias, 53% marCas desatentas assim e certamente isso é tendência”, diz telecomunicações, por exemplo, desenvol- Segundo dados da Comscore sobre a utili- recebem e enviam e-mails, 30% se comuni- Para Kiso, da Focusnetworks, o grande fato “A partir do momento em que as marcas ela. Seu site, até hoje, não veiculou qual- veu um celular com teclas de fácil visuali- zação da internet por usuários com mais de cam-se usando MSN, Skype e 24% acessam de essa faixa etária crescer nas redes sociais conseguirem fazer ofertas dirigidas a es- quer peça com esse foco. zação e com navegação simplificada”, cita 55 anos no Brasil em abril de 2010, as suas sites de redes sociais e 20% fazem compras. é o isolamento que muitas vezes ocorre na ses consumidores, elas devem conseguir Consequentemente, como tantos outros O´Leary. Vale o alerta. categorias preferidas são a de sites corpora- Segundo Calazans, do Ibope Mídia, os há- velhice. “Elas são uma boa ferramenta para tivos, acessada por 97,9% desse público, a bitos dos usuários ais seniores não são mui- criar amizades e recuperar a sociabilidade”, de portais, acessada por 89,4%, e a de redes to diferentes dos hábitos do internauta bra- afirma. Querem uma prova? Entre os 21 mi- sociais, acessada por 82,9% dos usuários sileiro em geral. “Eles estão bem presentes lhões de usuários do site de relacionamento dessa faixa etária. A categoria portais foi a em redes sociais, portais e buscadores”, diz. ParPerfeito, cerca de 9% têm mais 55 anos. “Este público é extremamente importante porque está numa fase em que, na maioria “As marcas das vezes, possui recursos financeiros e, ao mesmo tempo, quer aproveitar a vida ao lado poderiam pensar de alguém”, afirma Claudio Gandelman, presidente do ParPerfeito. “Em geral, é quan- em campanhas do estão pensando com quem passarão o res- to da suas vidas.” para quem tem Compras online mais tempo, Nos sites de comércio eletrônico, aliás, a fa- tia de pessoas com mais idade é a que mais mais vivência, cresce. “Os compradores virtuais com mais de 50 anos já ultrapassam 20% do total e ca- mais experiência. minham fortemente para se tornar um quar- to da amostra”, afirma Pedro Guasti, diretor Empresas de geral do e-bit. Segundo ele, os mais jovens influenciam os mais velhos, que acabam turismo já fazem encontrando muita praticidade nas compras online. “Aos poucos, eles percebem que com- ações isso” prar pela web traz conforto, evita trânsito e violência.” Para os sites de e-commerce, – maria isabel marrey Ferreira, a dica de Guasti é a de prestar atenção nas do site bbel.uol.com.br necessidades dessa faixa etária, que muitas vezes têm dificuldades de ler ou procura 60 proXXima Julho 2010 proXXima Julho 2010 61

×