Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.

Jornal site

304 vues

Publié le

Jornal de Natal

Publié dans : Divertissement et humour
  • Soyez le premier à commenter

  • Soyez le premier à aimer ceci

Jornal site

  1. 1. Para manter sua cultura em alta!XVII- nº 999 - 20 de dezembro de 2015- cruz alta - R$ 1,50 GERAL/12 Grupo Máschara encerra as atividades de 2015 Academia internacional de Artes, letras e ciência GERAL/4GERAL/10 Anvisa não vê restrição no uso de repelentes por gestantes Lauro Ricardo Pillar Bronzoni Conciliar vida, carreira e família CEIA DE NATAL Comemore o Natal saboreando uma deliciosa ceia que preparamos com todo cuidado para você Informações e Reservas restaurante@hoteiscontinental.com.br 51 3433 1900 2015 8 variedades de entradas 11 variedades de saladas 12 variedades de pratos principais 12 variedades de sobremesas HOTEL & CENTRO DE EVENTOS hoteiscontinental.com.brhoteiscontinental.com.br
  2. 2. jornal evoluçãoCruz Alta, 20 de dezembro de 20152 cidade 18 ANOSREGISTRANDO,EVENTOS,NOTÍCIAS, TALENTOS QUE VALORIZAM NOSSA CIDADE E REGIÃO jornal evolução Editorial Nossa Capa Unicruz A importância do servidor público: Dezembro tem gostinho de férias ou, pelo menos, de festa! Tem alma de Natal e vibrações de Réveillon. É o mês sobre o qual mais gostamos de comentar. Sa- bemos que durante o ano foram muitos os momentos difíceis, mas após toda essa trajetória temos a sensação que trabalhando em equipe conseguimos superar todos os obstáculos e resolver ou deixarencaminhadostodososproblemas. A conversa, a verdade e o pensamento positivo sempre foram a fórmula mais assertiva, em nosso dia a dia e em nossa vida, agradecemos nossos clientes e amigos, por mais um ano e a confiança depositada em nosso jornal. Fazerumaretrospectivadosfatosmais importantes que aconteceram no Brasil e no mundo, na internet uma enxurrada de notíciastristeseboas,emuitosrelatosdo quefoinotícia,atentadosemParis,assas- sinatos em massa na Nigéria, a paz entre Cuba e EUA, pedido de impeachment da Dilma, surto do mosquito zika, desastre em Mariana, enfim, muitas notícias. E quem ilustra a nossa Capa desta edição é o servidor público Lauro Ri- cardo Pillar Bronzoni, confira a matéria na página 2. Aproveitem também nossa revista de final de ano que todos os anos enriquece mais o nosso jornal.ACapa da revista do Evolução terá as esposas dos comandan- tes da guarnição de Cruz Alta. Nossacidadesemovimentaparadeco- rarascasaseruascomachegadadoNatal. Confira na página da Moda as dicas de vestidos para as festas de final de ano, a estilista carioca Angela Lemos que vesteasmissesecelebridadesassinaesta página, cada vestido lindo! E com este clima natalino, aproveita- mos o ensejo para desejar a vocês um FELIZ NATAL e um PRÓSPERO ANO NOVO, com muita SAÚDE e PAZ. Equipe Jornal Evolução, nos encon- tramos o ano que vem. O cidadão quer um serviço público proporcionado pelo Estado que funcione adequadamente e satisfatoriamente. Por isso exige servidores dedicados e bem preparados para, desta forma, poderem desempenhar bem o seu papel fazendo o melhorpossívelparaatenderasnecessidades da sociedade em que estão inseridos. A prestação do serviço público é uma das atividades mais importantes de uma comunidade, de uma sociedade ou de uma nação, pois, nenhum país, estado ou muni- cípio funciona sem seu quadro de servido- res públicos, responsáveis pelos diversos serviçoscolocadosàdisposiçãodocidadão. Portanto, é importante reconhecer a im- portância desses profissionais, verdadeiros servidores da sociedade. Neste contexto, prestar serviço à população com qualidade, dedicação e clareza deve ser sempre a meta dos servidores públicos. Sendo assim, um destes profissionais que, por tudo isso e mais um diferencial no desempenho de seu trabalho, terá um destaque em nossa capa. Lauro Ricardo Pillar Bronzoni , é nosso destaque como umdosservidorespúblicos que sempre teve como objetivo integrar-se na política demonstrando sempre muito atenção no desempenho de suas funções. Laurofoicandidatoavice-prefeitoem2004 peloPFL,candidatoavereadorpelopartido Democratas (DEM) em 2008 e candidato a deputado federal pelo mesmo partido em 2010, continuou seguindo sua trilha pela Carta do Editor CNPJ 11.312.825.0001-68 Rua Barão do Rio Branco, 2512 - Sala 100 - Cruz Alta - RS Fone: (55) 9913-6937 / 3322-3487 / 8129-3282 / 9994-0603 / 9963-4540 IMPRESSÃO: Editora Gráfica Gespi Rua Mauá 590 - Tapera/Rs - Fone: 54-3385.1735 Diretora / Editora: Solange Castilhos Colaboradora: Catarina Lopes Diagramação/Arte Final: Nilton Golle Tiragem: 3000 exemplares e-mail: jornalevolucao2013@gmail.com jornalevolucao@hotmail.com Balcão do Consumidor anuncia convênio com a Senacon e fará ações educativas O projeto de Extensão da Universidade de CruzAlta Balcão do Consumidor terá uma importantealiadaparaexecuçãodasatividades no ano que vem: a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon). Planejada no final de 2013 como um espaço de estágios e práticas para alunos do curso de Direito através de orientações e assessoria jurídica gratuitas à comunidade, a entidade teve início efetivo no início de 2014, já com convênio firmado com a Secretaria Estadual da Justiça e dos Direitos Humanos(SJDH/RS).Aparceriacomobraço dogovernogaúchotrouxebonsresultadospara osintegrantesdoBalcãoetambémparaoscon- sumidores: além de viabilizar a estruturação física da entidade, a aproximação promoveu aaçõesintegradasentreomeioacadêmicoea comunidadelocal.Segundoumlevantamento da coordenação do projeto, mais de 95% dos casos atendidos foram solucionados pelo in- termédiodealunosmatriculadosnadisciplina deEstágioCurricularSupervisionadoeosnão resolvidos,encaminhadosparaórgãosoficiais: unidades locais do Procon/RS e do Juizado Especial Cível. “Esseprojetoéextremamenteimportante para o curso de Direito, pois proporciona aos alunos aplicar a teoria trabalhada em sala de aula na prática nos atendimentos ao público que procuram o Balcão do Consumidor”, ex- plicou a coordenadora do projeto, professora Raquel Souto. O convênio da Unicruz com a SJDH/RS encerrou oficialmente no mês de maio, entretanto no início de dezembro o Balcão do Consumidor recebeu a visita de uma representante do Procon/RS.Avinda da coordenadorajurídicaLucianeSouzaDisconzi teve fins fiscalizatórios e selou o término da parceria. Agora,umanovaaliançaemâmbitomaior está encaminhada. Está tramitando na Secre- tariaNacionaldoConsumidor(Senacon)uma propostadeconvêniodaUnicruzcomoFundo deDefesadeDireitosDifusos.Oprojeto,tam- bém conduzido pelo Balcão do Consumidor, pretende desenvolver ações educativas para o consumo sustentável junto às associações vinculadas ao projeto Profissão Catador, em uma atuação multidisciplinar envolvendo questões sobre o superendividamento do consumidor e instruções e mediações nos conflitos consumeristas. Tais práticas ainda não têm previsão de data para iniciar, mas a duração total será de 12 meses. ADiocesedeCruzAltadeuseuprimeiropassopara a implantação da Pastoral Carcerária em CruzAlta. Na tarde do dia 15/12, estiveram visitando os apenados (as) do Presídio Estadual de Cruz Alta, Dom Adelar Barufi, Pe. Magnus Camargo, Coordenador Diocesano de Pastoral, Salete Wolf , Coordenadora das Pastorais Sociais e Cáritas, João Cortes, da Liturgia. No primeiro momentofoirealizadaumareuniãoondeoAdministra- dor fez colocações importantes referentes a realidade do presídio e da importância do apoio da comunidade paraaressocializaçãodosapenadosàsociedade.Avisita foi acompanhada pelo Administrador Carlos A. S dos Santos juntamente como o advogado Flavio Presidente doConselhoComunitário.Logoapósfoirealizadauma celebraçãodeNatalcomosapenados,ondefoirecordado o Jubileu da Misericórdia e o sentido do Natal. Celebração Natalina com os apenados do Presídio Estadual de Cruz Alta política.AtuounaPoliciaMilitarpor31anos comcomportamentodisciplinarexcepcional com medalhas bronze, prata e ouro pela sua conduta como policial. Foi assessor parlamentar na Assembleia Legislativa na presidênciadoDeputadoPedroWestphalen 2012a2013 échefedogabinetedoPrefeito MunicipaldeCruzAltaJulianodaSilva.Em sua busca constante de aperfeiçoamento e demonstrando seu amor pelo trabalho, esta cursandoGestãoPúblicanaUninter.Casado comIsabelsuaeternaincentivadoraemseus projetos. Os três filhos Mariana, Lucas e Matheus são sua razão de viver. O servidor público é este que tem a oportunidade de servir à comunidade em que está inserido. Por isso, esta não pode ser vista como uma profissão qualquer, e sim como um desafio de cuidar do que é de todos nós.
  3. 3. jornal evolução 3Geral Erondine Oliveira dos Santos veio ao mundo em 29 de agosto 1914 o que faz comquetenhahoje101anos completos e cinco filhos. Ela vai ao banco receber sua aposentadoria acompa- nhada dos filhos e quando chega chama atenção pela vitalidade, apesar da idade, e pela maneira de conversar com as pessoas. Não toma remédios,nãotemnenhuma doença grave. Trabalhou anos na lavoura onde criou seusfilhos.Respondemuito bem as perguntas que lhe fazem,masreclamaquenão escutabem.AoladodeNoeli admira os enfeites de Natal e sai para passear sempre muito arrumada. Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 O CRAS Um lugar ao sol re- alizou, ontem, 15, uma confra- ternização para celebrar o Natal das crianças usuárias do Centro de Referência. De acordo com a Coordenadora, Kelly Orling, foi preparado lanche especial, brigadeiro, pastel, refrigerante, picolé e diversas brincadeiras. Agoraascriançasestãoansiosas pela chegada do Papai Noel, amanhã,17,queprometemuitas surpresas. “Para nós equipe do CRAS nosso maior presente é o sorriso de cada rostinho, é poder de alguma maneira conseguir fazer a diferença, que só será possível com a ajuda da nossa comunidade. Com certeza o Papai Noel estará com o saco cheio de presentes”, destaca Kelly. JánoCRASComunidadeMãe Centros de Referência de Assistência Social realizam programação especial de Natal O verdadeiro segredo de uma velhice bem vivida! Mulheres + Felizes, Melhores Resultados A Rede Mulheres + Feli- zes foi idealizada por Beatriz Peruffo, palestrante de Bento Gonçalves (RS), com foco na mulher empreendedora, que busca fomentar o pequeno e médio negócio. O objetivo da Rede é pro- piciar networking pessoal e profissional às mulheres, em um ambiente onde todas possam se conhecer, aprender e realizar bons negócios, sempre visando melhorar a autoestima e o em- poderamento feminino como agente transformador e atuante na sociedade. A Rede é mantida colabo- rativamente por mulheres con- selheiras municipais, estaduais e internacionais que buscam promover o propósito da Rede em seus locais sede, estimulan- do as mulheres a empreender, inspirando-as através de suas histórias de sucesso e conhe- cimentos. Caso você, mulher empreendedora de Cruz Alta, queira ser conselheira da Rede aqui na sua cidade, acesse a nossa fanpage, entre em conta- to conosco e saiba como fazer parte deste movimento em prol da mulher empresária! Convide outras mulheres a se juntar a nós. Afinal, juntas somosmaisfortesemaisfelizes! Fanpage: facebook.com/ RedeMulheresMaisFelizes foram organizadas viagens de excursão. Nesta quarta-feira, 16, os adolescentes foram para o Centro de Lazer na cidade de Panambi e amanhã, 17 será a vez dos idosos.
  4. 4. jornal evoluçãoCruz Alta, 20 de dezembro de 20154 geral Merendeiras do Instituto Educacional Annes Dias. “Asaúdenãoestanaformafísi- ca,masnaformadesealimentar.” Apesar das dificuldades de se fazerartenointerior,oGrupoMás- charaencerraasatividadesde2015 com a certeza de dever cumprido. Forammaisdecemapresentações dediversosespetáculospeloestado nesse ano. Em julho, aconteceu a estréia do espetáculo Olhai os Lírios do Campo em parceria com a Universidade de CruzAlta, que levou mais 600 pessoas ao auditórioAnnes Dias. Nos clubes Internacional e Grêmio, o Matinê do Máschara foi apresentado para mais de duas mil crianças durante o segundo semestre do ano. OESMATE(EspaçodeTeatro Máschara)continuouemfunciona- mento, oferecendo aulas de teatro acrianças,jovenseadultosinteres- sados em aprender o ofício. Uma oportunidade imperdível àqueles que, além de sonharem com a Como será 2016? Tu me levantas – you raise me up As lendas do natal são muitas e contadas em diferentes línguas. Nes- ta época do ano parece que o mundo busca se reconciliar com todos, cada qual busca nesta data celebrar um mo- mento mágico, é uma luz que invade os lares do mundo e multiplica as ruas em milhares de luzes multicolores preparando-se em espirito e coração, é o tempo do natal para renovar as emoções. Lembro-me de uma historia que se contava em alguma cidadezinha da Polônia, uma menina que vivia com a sua família, ficava imaginando o dia em que o natal chegaria, era muito po- bre e passava por necessidades como muitas pessoas vivem este natal no mundo, sem lugar para dormir, sem comida ou estão simplesmente na es- trada, e como não podia oferecer um presente merecedor ao menino Jesus, na missa de Natal. A caminho da igreja, emocionada, contou para um amigo que frequentava a missa junto com ela. O amiguinho olhando para ela lhe diz com muita compaixão para não ficar triste, pois o presente maior de todos que podiam oferecer ao me- nino Jesus é o amor. A menina (pode ser o nome de qualquer menina) lem- brou-se então de ir recolhendo alguns ramos secos que ia encontrando pelo caminho, para Lhe oferecer. Quando chegou à igreja, a menina olha para os ramos que colheu e começa a chorar, pois acha esta oferenda muito pobre. Mesmo assim, decide oferecê-las com todo o seu amor. Entra na igreja e, quando deposita os ramos em frente da imagem do menino Jesus, estes ad- quirem uma cor vermelha brilhante, perante o espanto de toda a congrega- ção presente. Este fato foi considera- do por todos o milagre daquele Natal. Hoje muitas casas colocam nas portas guirlandas vermelhas simboli- zando o gesto da menina num dia de natal que oferecera um presente para o menino Jesus. Muitas historias se contam e as crianças esperam o na- tal para ganhar presentes, apesar da comercialização do carinho muitas pessoas acham que quanto mais caro o presente maior é o carinho que se ganha, porque será que alguns ficam tristes quando o presentinho é menor ou não era com aquele que esperava, são tempos diferentes, mas o natal é o mesmo. E 2016 esta chegando com todo o glamour, para alguns será um ano bom para outros mais um ano difícil, com poucas possibilidades, segundo a numerologia será um ano com mui- tas possibilidades de reinventar-se, seguindo todas as predições será um ano melhor que este que esta termi- nando. Lembrando um antigo sábio chinês Confúcio sobre este momento que estamos vivendo com muita ex- pectativa, lembra-se de uma frase que sintetiza o estado de espirito “Uma sociedade próspera só conseguir-se-á se estas relações se mantiverem em plena harmonia”. Para chegar à pros- peridade temos que preparar o espirito natalino dentro de nós, com tolerân- cia, bondade, benevolência, amor ao próximo, respeito aos mais velhos e aos antepassados, significa que 2016 será um momento de construção pes- soal, sinta-se você e conquiste os ou- tros. Feliz NATAL! E UM 2016 PRÓS- PERO MEU DESTAK Luis Chamorro Prof. e pesquisador das faculdades QI – Porto Alegre lchamorro1@gmail.com 2015 do Máscharacarreira de ator, precisam vencer a timidez, se comunicar de forma mais clara ou ter um momento de auto descoberta. MesmocomaCasadeCultura fechadaparareformas,oMáschara seesmerouemofereceropçõesde entretenimento aos cruz-altenses com performances, espetáculos e teatroderua.“Acreditamosnaarte comofatordecisivoparaamelho- ria da sociedade, um povo culto, que lê, vai ao teatro e desenvolve sua sensibilidade, vive melhor comasadversidadesexistenciais”. OMáscharaexistedesde1992, evaicontinuar,poisacadageração nascemnovostalentoseaindaque não tenham mercado de trabalho nointerior,oMáscharaservecomo escolainicialparaquemquerpro- curaroutroslugaresparaexporsua arte. Depois de todos esses anos, praticamente todo cruz-altense conhece os atores do Máschara e em alguma oportunidade já se emocionou, sorriu ou riu com alguma cena ou história contada por esses artistas. “NósdogrupoMáscharadese- jamos a todo o Cruz-Altense que o Natal seja repleto de alegrias e que em 2016 nossa cidade evolua muitomais.Queaspessoassedei- xemtocarpelaarteecompreendam a necessidade de se incentivar os jovens artistas”. rendeirasdoInstitutoEducacional AnnesDiasestádeparabéns,pois é muito simpática e, com toda a dedicaçãoquelheépeculiar,todos os dias serve uma merenda espe- cial aos alunos. O sorriso sempre estampado em seus rostos é uma Elas têm mãos de fada, elas fa- zem a diferença!Aequipe de me- virtude sempre visível. Cozinhar é uma arte e fazem com amor seu trabalho. A cozinha esta sempre muito limpa e organizada. Os quitutes só quem provou pode dizercomosãoespeciaisecomum temperinho de dar água na boca.
  5. 5. jornal evolução Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 5MODA Tendências Prof. Dr. Argemiro Luís Brum (Ceema/Dacec/Unijuí) O mundo acaba de encerrar uma das mais im- portantes conferências climáticas de sua história: a COP 21, em Paris. O documento assinado na ocasião, considerado um marco jurídico contra o aquecimento global, e batizado de Acordo de Paris, busca limitar esse aquecimento em até 1,5ºC nos próximos 85 anos, com um balanço da situação a cada cinco anos. Para o tamanho do problema e pela sua urgência o que foi assinado acaba sendo pouco e desafiador: para dar certo será preciso que as emissões de gases de efeito estufa alcancem um pico em 2020 e, a partir desta data, recuem para zero até 2050.Afora isso, existe uma questão econômica estrutural ligada a dois grandes grupos de países com interesses divergentes e de difícil solução. O primeiro grupo, formado pelos desenvolvidos, altamente industrializados, que, por já atingirem um estágio de organização econômica elevado, podem defender uma redução nas atividades produtivas até aqui conhecidas e, em seguida, uma mudança de modelo produtivo, menos poluente. Para este fica bem mais fácil exigir do segundo grupo, os subdesenvolvidos (grande maioria), maior respeito pelo meio am- biente quando historicamente pouco se preocupou com isso até chegar aos dias de hoje. Afinal, a conquista de seu desenvolvimento se deu pelo uso constante do meio ambiente (terra, água, solo, ar, florestas...). O segundo grupo, na busca pelo desenvolvimento, afora os demais desafios de organização política e social, segue o mesmo modelo conhecido e posto em prática até hoje pelos que avançaram. Em muitos casos, ao custo de investimento e deslocamento de recursos que faltaram para a melhoria de seus sistemas de educação, saúde, segurança, saneamento... Aceitar deixar esse modelo de lado, hoje, é muito difícil. Mesmo porque o novo sistema produtivo proposto, que abre novas frentes de acumulação de capital para quem detém a tecnologia, custa muito caro e os recursos disponibilizados para isso, até o momento, são muito baixos. Aos olhos deste segundo grupo, a decisão de partir para um novo paradigma produtivo internacional parece ser uma nova forma de impedir que seus membros alcancem maior competitividade e de- senvolvimento. Obviamente, não se pode excluir tal possibilidade conhecendo-se a história do jogo de forças econômicas internacionais. Todavia, é certo que o mundo precisa partir para um novo processo de produção industrial e de vida, sob pena de comprometer definitivamente a existên- cia de muitas Nações até o final deste século. O mercado, que não tergiversa em torno de discursos e ideologias, já percebeu que está nascendo uma nova oportunidade de gerar riqueza, no contexto normal do capitalismo hegemônico que temos, apoiando decididamente as mudanças futuras. Cabe aos diferentes países e suas populações acordarem para o fato e tratarem de agir, sob pena de, passadas as próximas décadas, ouvirmos gritos de “abaixo o imperialismo ambiental”, assim como assistimos hoje muitos contrários aos ajustes fiscais do Estado porque, até hoje, nunca se preocuparam com a eficiência na gestão pública. O MEIO AMBIENTE E A ECONOMIA E agora o que vestir? Finalmente chegou a época mais esperada do ano! Muitas come- morações, festas, eventos e aquela tradicional dúvida: “Mas com que roupa eu vou?”. Para quem faz a linha mais ousada, os vestidos curtos com brilhos bordados, sejam de pedraria, paetês, cristais ou mesmo os de lurex, vão muito bem para as festas noturnas. Durante o dia pode usar brilho? Sim e não. Se for uma peça mais informal a escolha é sua, só toman- do cuidado com os excessos e deixando os brilhos de fato para a noite. É sempre bom lembrar que as partes mais reluzentes vão sempre chamar atenção para a região do corpo em que estiverem. O grau de formalidade aumenta e diminui conforme o tipo de mate- rial com que você combina o bordado e sua turma, jeans e couro evi- tam o excesso de brilho deixando o look mais descontraído, as peças de alfaiataria caminham em direção oposta. Outra variante é o comprimento, os longos nasceram para as festas de gala, a versão curta tem passe livre em festas mais badaladas e com- bina com saltos grossos fazendo uma linha mais cool. Tons semelhantes como amarelados não costumam ficar bem em loi- ras com pele muita clara, mas algumas texturas podem deixar o look bem chique. Atualmente os vestidos com transparências e bordados art deco são os favoritos das fashionistas. Angela Lemos. @angelalemosmoda - Instagram Email: angelalemosmoda@gmail.com MODA Dicas & Sugestões.
  6. 6. Cruz Alta, 20 de dezembro de 20156 jornal evoluçãoe v e n t o s Jantar Palestra Um super jantar para convidados marcou a comemoração dos 104 da ACi Cruz Alta concomitantemente com a troca de diretoria. O empresário João Paulo Reis, que desenvolveu um trabalho brilhante a frente da entidade, foi novamente empossado. Simone Leite ministrou uma palestra abordando um tema muito construtivo “O valor do associativismo” tornando o evento, além de agradável, muito interessante. João Paulo Reis
  7. 7. jornal evolução Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 7 solangecastilhos@hotmail.com Angélica Edler Tragnago 8/12 Antonio Carlos Gomes Nunes 8 /12 Bia Lauxen Stein 16/12 Camila Lauxen 09/12 Margarete Miranda 12/12 Egon José Binfeld 13/12 Sinara Sprates 19/12 Delmar Fonseca 16/12 Geni Gonçalves 19/11 Aniversário Dr. Antônio Carlos Gomes Nunes viveu momentos muito especiais no dia de seu aniversario. Dr. Tonico, como é conhecido, recebeu o carinho de seus familiares e amigos, muitos telefonemas e homenagens que deixou seu dia mais especial ainda. Ele viaja muito com sua esposa Sonia e não deixam de apreciar lindas rotas internacionais. Coquetel Maristela Bronzatti empresária do segmento de beleza e proprietária da Amissima, recebeu clientes e amigas, para demonstração do novo produto Ageless, novidades em beleza e transformação. Os participantes gostaram do novo produto. Parabéns!! Confraternização de final de ano Belíssima festa de confraternização da Brigada Militar de Cruz Alta que recebeu colegas da região para um encontro entre amigos. Tudo foi muito bem preparado e organizado com boa musica para animar ainda mais os convidados. O comandante da Brigada Militar e o Major Paulo Nascimento fizeram um discurso entregando certificado para algumas brigandinas que se destacaram durante o ano de 2015. Tudo estava perfeito. Comemoração Caroline e Cristiano Alvarez, delegado de policia, comemoraram mais um ano de sua feliz união. Eles têm dois lindos filhos, Felipe e Frederico, bons motivos para comemorar a vida. Promoção O cruz-altense Roberto Furian Ardenghy foi promovido a ministro da carreira diplomática. O anuncio oficial foi feito pelo Itamaraty, em Brasília, na última semana. Roberto esta morando atualmente em Houston, Estados Unidos, onde exerce a função de Cônsul do Brasil. O diplomata já trabalhou em diversas Embaixadas do Brasil no Exterior, como Washington, Havana e Buenos Aires. Em Gramado O casal Roberto e Eliane Arndt Pereira de Souza, acompanhado da bela Laurinha, viajou para Gramado na serra Gaúcha para curtir o Natal Luz com suas inúmeras atrações. Voltaram encantados com tanta beleza e criatividade. Autoridades da EASA durante a 3ª formatura deste ano. S O C I A L Prestigiando a formatura. Gente bonita clik especial de presença em evento social Comandante Coronel Paulo Rogério Farias Medeiros e Major Paulo Nascimento, durante a confraternização de final de ano da Brigada Militar. Maria Almeida e Maria Nogueira sempre prestigiando os eventos tradicionalista. Jussara Quedi Furiam , passa as festas de final de ano na capital gaú- cha com seus filhos e noras .
  8. 8. jornal evoluçãoCruz Alta, 20 de dezembro de 20158 Após o período de matrículas para os candidatos aprovados no Vestibular de Verão, a Universidade de CruzAlta abriu nesta quarta-feira (16) as matrículas para suplentes do processo seletivo e para as formas alternativas de ingresso. A segunda alternativa dispensa participação na prova da redação aplicada no dia 29 de novembro para ingresso na Uni- cruz. Maiores de 35 anos, pessoas já diplomadas no Ensino Superior, transferências externas (acadêmicos vindos de outras IES) e reingressos estão compreendidos pelas formas alternativas. Ainda há a possibilidade de matrícula como aluno especial, que permite ao graduando cursar até 30 créditos. A administração municipal realizou a entrega de novos maquinários para a Secretaria de Desenvolvimento Rural. O Prefeito de Cruz Alta Juliano da Silva acompanhado do Secretário Airton Becker apresentaram os equipamentos que irão contribuir nasatividadesdapatrulhaagrícola. Os novos equipamentos vão auxiliar nas atividades dos pe- quenos produtores ainda mais neste ano que teve uma média de chuva elevada, fato que atrasou o serviçonocampo.Deacordocom Airton Becker a patrulha agrícola apresentou evolução com uma melhor organização e agenda- mento do trabalho. Atualmente uma das maiores solicitações é a silagem e este novo equipamento vai contribuir muito no serviço. A aquisição destes maquinários foi uma conquista de um projeto elaborado nesta administração, atendendoumademandacrescente deste tipo de serviço. Foram adquiridos 01 trator, 01 plaina agrícola, 03 enciladeiras e 01segadeira.Aaquisiçãodositens foi através de uma emenda parla- mentar do deputado federal Luis CarlosHeinze,comintermédiodo vereadorAntônio Funck e contou com contrapartida do município. VESTIBULAR DE VERÃO - Matrículas abertas para suplentes e formas alternativas de ingresso Acus: agulha puntura: puncionar A acupuntura é uma técnica milenar descrita há mais de 5 mil anos pelos chineses e a cada dia tem sido mais difundida e utilizada pelos profissionais da saúde, inclusive médi- cos. Difere-se dos demais tratamentos pois não utiliza medicamentos, e sim agu- lhas. Não tem contra indicações nem efeitos colaterais, podendo ser aplicada em pessoas de qualquer idade, inclusive em crianças. A acupuntura busca o equilíbrio do organismo desbloqueando a energia es- tagnada Yin ou Yang. Isso se dá através da estimulação ou sedação de pontos específicos espalhados pelos 12 meridianos principais e pelos 2 meridianos extras (linhas imaginárias do corpo humano). O contato da agulha com essas terminações nervosas leva informações ao cérebro que provocam reações quí- micas induzidas pelo próprio organismo, liberando substâncias como endorfina e serotonina, hormônios naturais de alto poder analgésico, antiinflamatório, re- laxante muscular, estimulante e calmante, diminuindo a ansiedade, depressão, dor e pânico. A acupuntura trata com muita eficácia o físico, psicológico e emocional, sendo assim um tratamento completo e diferenciado. Dores articulares/musculares, enxaqueca, hipertensão, insônia, depressão, an- siedade, problemas de coluna são algumas das queixas mais comuns em meu consultório, tratadas com muito êxito com a acupuntura. Vale ressaltar que acu- puntura também melhora a qualidade de vida de pacientes em tratamento de AVC (derrame), Alzhermer, Parkison, câncer, esclerose múltipla. Tratamento: anamnese e sessões Por que a acupuntura trata com muito sucesso dores, problemas emocionais e psicológicos? Essa pergunta é fácil responder, pois partindo do princípio de que nossas queixas são somatizações do desequilíbrio Yin/Yang e dos 5 elementos, a acupuntura trata basicamente qualquer patologia. Para se chegar à melhor opção terapêutica que restabeleça o equilíbrio do organismo o processo diagnóstico necessita identificar pela observação e análise se o paciente sofre de Yin ou Yang, se a queixa é de origem externa ou interna, do tipo fria ou quente, se é úmida ou seca, pois tudo isso tem a ver com excesso de uma polaridade o que significa a diminuição de outra. Na primeira sessão com duração média de 2 horas, é feita uma anamnese que consiste em um bate-papo com o paciente onde serão analisadas suas queixas principais, comportamento, avaliação de língua e pulso. O diagnóstico é fecha- do em torno dos 5 elementos. O tratamento recomendado é de no mínimo dez sessões com duração de uma hora cada, que podem ser feitas de uma a duas vezes por semana. A pergunta mais freqüente é: Dez sessões são suficientes? Bem, há pacientes que recebem alta em dez sessões, outros com vinte ou mais, isso vai depender muito de seu metabolismo e da gravidade do quadro, lembrando que a acupuntura não tem nenhuma contra-indicação nem efeitos colaterais. Podendo fazer, o paciente só ganhará saúde. Durante cada sessão serão utilizadas de quatro a seis técnicas (acupuntura sistêmica, acupuntura auricular, acupuntura à laser, reflexologia, moxabustão e eletroacupuntura) determinadas pela anamnese. O paciente terá atenção exclu- siva do profissional em um ambiente propício ao maior conforto e relaxamento, ouvindo músicas suaves e sons da natureza. Patologias e disfunções Aparecem devido à uma estagnação ou deficiência de energia (QI), provocada por fatores externos (clima) ou fatores internos (emocional) Patologias - Obesidade - Ansiedade - Depressão - Estresse - Insônia - Enxaqueca - Hipertensão - Problemas de coluna - Dores articulares e musculares Disfunções - Gastrintestinais (constipação, gastrite, esofagite, úlcera) - Urogenitais (cálculo renal, cistite, retenção de líquido, impotência, infertilidade) - Ginecológicas (cólicas, distúrbio mentrual, TPM) - Respiratórias (sinusite, rinite, bronquite, asma) - Cirulatórias Técnicas de acupuntura Acupuntura sistêmica : é o método mais comum de acupuntura. Após a assepsia da pele as agulhas descartáveis são inseridas de forma indolor e deixadas no local de 50 minutos à uma hora. Durante esse período o paciente fica em re- pouso, e o terapeuta estimula os pontos de tempo em tempo. No corpo humano existe um total de 350 pontos. A cada sessão são escolhidos 10 pontos para o tratamento. Acupuntura auricular: estimulação de pontos no pavilhão auditivo através de sementes específicas fixadas com micropore. Reflete diretamente no sistema nervoso central e atua no equilíbrio dos canais de energia do corpo. Esses pon- tos permanecem na orelha por 4 dias e devem ser ativados ao longo do dia com a pressão dos dedos pelo próprio paciente. Ao lado, pontos especificos para tratamento de bursite (ombro). Eletroacupuntura: juntamente com a acupuntura sistêmica, o método utiliza impulsos elétricos através de aparelhos específicos conectados às agulhas. A carga elétrica potencializa o tratamento em casos específicos promovendo uma analgesia profunda. Muito utilizada em pacientes com dores crônicas muscula- res e articular, e inflamações. À esqueda, pontos para tratamento de lombalgia. Moxabustão: um bastão de artemísia em brasa é aproximado à pele, aquece o ponto de acupuntura e remove bloqueios de energia que obstruem seu fluxo pelos meridianos, eliminando a umidade e o frio que promovem disfunções no organismo. A erva artemísia tem alto poder antiinflamatório e analgésico. Técnica muito utilizada em distúrbios menstruais e problemas de coluna. A aplicação como na foto alivia dores na região da coluna (cervical). Acupuntura: saúde, relaxamento, equilíbrio e qualidade de vida Talentos Escola de Musica A escola de música Talentos festejou simultaneamente seus 15 anos de fundação e a confraterni- zação de Final deAno. O proprie- tário Rodrigo Martins conta com alunos de cidades como Fortaleza dosValos, BoaVista do Incra, Ibi- rubá e Selbach. A Escola Marcelo Martins da cidade do Salto do Ja- cuí também participou do evento, um belo jantar para 250 pessoas com buffet preparado pela própria família Martins. O garotinho Rafael Martins de 11 anos, que já vem se des- tacando no mundo artístico, cantou algumas musicas duran- Enf. Angélica Dreher Especialista em Urgência, Emergencia e Trauma MBA em Gestão de Pessoas Município entrega novos equipamentos agrícolas te o evento festivo. Os alunos encerraram a noite com lindas canções encantando o publico presente.
  9. 9. jornal evolução Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 9variedades Horóscopo Seu Olhar INGREDIENTES Peru: -1 peru de 3,5 kg - Azeite (para regar) - 800g de carne de vitela moída - 200g de linguiça toscana fresca moída - 200g de fígado de galinha moído - 150g de queijo parmesão ralado - 3 ovos - 400g de castanhas portuguesas descascadas e cortadas ao meio - Sal e pimenta-do-reino moída na hora (a gosto) Caldo: Ossos já assados do peito de peru 1 cebola em pedaços 1 cenoura em pedaços 2 talos de aipo em pedaços 100ml de vinho branco 50g de farinha de trigo 1 litro de água Batatas e castanhas: 800g de batatas descascadas 300g de castanhas portuguesas descascadas Azeite (para regar o caldo feito com os ossos do peru) Decorar: Ramos de sálvia Ramos de alecrim Folhas de alface Modo de preparo Peru: Desosse o peru, reservando os ossos do peito para o caldo. Em um recipiente e utilizando as mãos, misture a vitela, a linguiça, o fígado, o queijo ralado e os ovos. Com uma agulha grande e um fio de linha grosso, costure a parte traseira do peru para evitar a perda do recheio durante o cozimento. Introduza o recheio pela abertura da frente (peito), empurrando-o com a mão, de maneira que o peru fique completamente recheado e, depois, costure a abertura. Tempere o peru com sal e pimenta e coloque-o no centro de uma assadeira anti-aderente. Regue-o generosamente com azeite e disponha os ossos do peito nas laterais da assadeira. Leve ao forno preaquecido a 160ºC, por aproximadamente 1 hora e meia, coberto com papel alumínio. Retire o papel um pouco antes para dourar a carne por fora. Unte com óleo de vez em quando, se necessário. Contemplando as praças da cidade ficamos muito entusiasmados com o ótimo projeto desenvolvido para a Praça Érico Veríssimo. O novo projeto deu uma repaginada na praça deixando-a mais clara e muito espaçosa destacando muito bem a frente da Catedral Divino Espírito Santo. Em frente a Prefeitura de Cruz Alta, a praça General Firmino, palco das festividades e eventos comemorativos da cidade, foi o presente de natal para a comunidade. Mas parece que ainda não esta totalmente pronta. Comotérminodestesnovosprojetos acomunidadepoderádesfrutarmelhoros espaçosdestaspraçasquehojesãocartão de visita para nossos visitantes. Peru de Natal recheado acompanhado de casta- nhas e batatas Poupança 19.12.2015........................0,6868% Ouro 19.12.2015..................... R$ 130,00(gr) Dolar Comercial (compra) ........... R$ 3,9456 Dolar Comercial (venda) ............ R$ 3,9468 Dolar turismo (compra) .............. R$ 3,9200 Dolar turismo (venda) .................. R$ 4,1600 Euro (compra) ............................ R$ 4,3117 Euro (venda) ............................... R$ 4,3158 IPC/FIPE Nov /2015 ............................1,06% IGPM/FGV Nov /2015 ........................1,52% INPC/IBGE Nov /2015 .........................1,11% IPCA/IBGE Nov /2015 .........................1,01% IGP-DI-FGV Nov /2015 ........................1,19% UPF/RS 2015 .............................. R$ 13,742 ÁRIES Os excessos de prazer, estimulantes e de trabalhos que requerem grande concentração e capacidade mental, não serão de todo favoráveis neste período. Bom fluxo para os negócios iniciados anteriormente. TOURO Suas boas qualidades e habilidades influenciarão de maneira benéfica pessoas importantes para você, principalmente se estas pessoas forem suas conhecidas. O trabalho, as empresas e o amor estão em bom aspecto. GÊMEOS Sucessoprofissionaléoqueprenuncia esteperíodoparavocê.Poderáter,poroutro lado, algum aborrecimento passageiro provocado pelos filhos ou pais. Deverá impor sua personalidade ao tratar com terceiros. CÂNCER A influência astral lhe é propicia. Bom contato com os pais, filhos, parentes e com pessoas de sua alta estima. Procure também, levar a paz aos mais necessitados lhes transmitindo otimismo e confiança. LEÃO Não faça modificações repentinas, antesdeumaanáliseprévia.Poroutrolado, o fluxo é dos melhores para trabalhar em prol de sua ascensão profissional, material e social. Será correspondido plenamente na vida familiar. VIRGEM Procure manter seu estado de ânimo mais calmo e otimista, nos próximos dias para que não venha a sofrer prejuízos e embaraços. Êxito nos estudos, pesquisas e exaltação psicológica. LIBRA Com inteligência, seu êxito será total, nesteperíodo,principalmentenotrabalhoe navidasocial.Períodofelizaocasamentoe ao noivado e para tratar de seus interesses financeiros. Viagens bem sucedidas. ESCORPIÃO Evite que seus problemas pessoais possam causar dificuldades para a sua família. Procure passar os dias em paz que tudo deverá rumar para um bom caminho. Felicidadesentimentaleamorosa.Cuidado com estranhos. SAGITÁRIO O excesso de prazer, estimulantes e de trabalho que requerem grande concentração e capacidade mental, não serão de todo favoráveis neste período. Bomfluxo,todavia,aosnegóciosiniciados anteriormente. Pessoas estranhas poderão ser úteis. CAPRICÓRNIO Oposição de pessoas conhecidas não lheafetarãonesteperíodo,poistudoindica que terá muito sucesso no trabalho, na vida social e elevará suas finanças através de negócios bem entabulados. Boa saúde e êxito amoroso. AQUÁRIO Saiba o momento certo para expressar sua opinião e tenha especial cuidado para nãoofenderninguém.Afaseseapresentará tranquilo ao trabalho e aos negócios e no trato com o sexo oposto. PEIXES Faseemquepoderáobterosresultados pretendidos em seu campo profissional, devidoaobomfluxodalua.Pode,também, iniciarnegóciosetratardeassuntospessoais que será bem sucedido. Boas notícias. Praças de Cruz Alta
  10. 10. 10 jornal evoluçãoCruz Alta, 20 de dezembro de 2015 Geral ACADEMIA INTERNACIONAL DE ARTES, LETRAS E CIÊNCIAS ‘A Palavra do Século 21’ - ALPAS 21 A presidência da ALPAS 21 escolheu como patrono Con- dorcet Aranha, escritor, doutor em ciências ambientais, que incentivou a instituição desde o surgimento da em 1998 até sua morte em 2012. A academia dinamiza um calendário de atividades para oportunizar aos acadêmicos a experiência de seu lema: viva- mos a arte, a literatura e as ci- ências em manifesto pela cons- trução da cidadania planetária. A medalha da ALPAS é re- sultado da arte de Cida Camar- go, acadêmica fundadora, com a estampa de seus símbolos, o beija-flor e a orquídea e, tam- bém, o ramo de louro, solicita- do pela Academia Brasileira de Letras. Em 2015, a ALPAS 21 reali- zou atividades como: - Premiações de autores, in- vestiduras de acadêmicos, en- trega de comendas nacionais e internacionais em Cruz Alta em maio e outubro e em Porto Ale- gre em novembro; - Lançamentos e Sessões de nas Escolas Gabriel Miranda, Catharino Azambuja, Gabriel Annes da Silva e no Ginásio Municipal. - Atividades em parceria com o NUCART / UNICRUZ - Nú- cleo de Artes da Universidade de Cruz Alta na Câmara de Ve- readores. - Palestras no Museu Eri- co Verissimo pelo transcurso dos 110 anos do nosso escritor maior, com Cida Camargo, Car- la Rosane Tavares Alves e Ro- zelia Scheifler Rasia. A ALPAS 21 está formando comissões com autores e profis- sionais ligados às artes e demais manifestações culturais para publicações de livros, exposi- ções, eventos e intercâmbios em 2016 no Brasil e em outros países. Autores e artistas cruz-alten- ses integrantes da ALPAS 21: Darcy Pinheiro, Bruna do Amaral. Teca Cancian, Maria Aparecida Santana Camargo, Leonir de Lourdes Batista, Ma- ritza Maffei da Silva, Dalvina Ebling, Carlos Vicente Fagun- des do Amaral, Vaneza Caudu- ro Peranzoni, Sueli Terezinha Müller, Nina Rosa Lima, Anto- nio Santos Silva, Eva Rosalina Vieira, Sérgio Olímpio Viégas da Silva, Raquel Brum Rodri- gues, Ana Carolina dos santos Antunes, Edi Barbosa, Sandra Morelle, Maritza Maffei da Silva, Ieda Linck, Beti Belza- rena, Mana Nunes Amaro, João Carlos Agostini, Beth Linke, Lourdes Dallacosta, Claudio Trindade, Priscila Keitel, Iran de Lima, César Heger e Rozelia Scheifler Rasia. Sendo celeiro de cultura, a ALPAS 21 se destaca no ce- nário internacional, pois conta com acadêmicos corresponden- tes em diversos países, entre os quais Lopito Feijó de Angola e Giovanni Monopoli, da Itália. Convidamos a todos para conhecer e interagir com a AL- PAS 21 em Cruz Alta. Cerimônia de investidura acadêmica na Câmara de Vereadores em Cruz Alta. Acompanhando o cenário político, eco- nômico, policial e ambiental a pergunta mais comum é quando vai parar de piorar e por consequencia ficamos com a sensação mais comum de que estamos no caos, não é mesmo? Manter-se atualizado neste caos é desgastante, mas é preciso lembrar que toda a crise traz oportunidades. No entanto, conforme já discutimos aqui e mais de uma vez,poucossãoosqueconseguemaproveitar as oportunidades, sendo estes, em geral, os que se preparam. A percepção de caos e confusão deixa a maioria que está despreparada, ignorando boa parte do que está ocorrendo. É sabido que há duas formas de manter pessoas igno- rantes: dificultando o acesso a informação e ao conhecimento, ou “despejando” grandes volumes de informações ao mesmo tempo e ainda, algumas desencontradas e controver- sas.Sabemosquetudooqueéabundantetem seu valor depreciado e uma forma de fazer com que uma notícia ou um fato se torne irrelevante é mostrar na sequencia, vários outros fatos que tenham semelhanças. Em geral as pessoas se desinteressam pelo que é complexo e preferem acreditar em tudo o que tem uma explicação simples. O problema é que compreender uma expli- cação não significa que ela esteja correta. Só para citar um exemplo, é fácil encontrar explicações em português, de descobertas, conceitos e casos descritos em inglês que foram traduzidos de forma equivocada, fazendo com que a explicação parcialmente errada seja entendida a partir da tradução e não do conhecimento e da informação correta. Ser capaz de ler em inglês faz muita diferença no entendimento de muitas coisas que ocorrem no seu setor de atividade e no mundo, sem a interferência dos interesses de quem traduziu, ou dos que encomendaram a tradução. A crise vivida no Brasil fica mais profun- da e mais complexa a cada momento, pela incompetência, desonestidade, impunidade, corporativismo,víciosculturais,desrespeito, falta de estrutura, dentre outros, exigindo uma preparação mais profunda e mais com- plexa para quem quer superar o momento difícil e que se agrava. Quem quer mesmo se preparar precisa se planejar para saber como agir se esta crise se agravar, se ficar mais complexa e principalmente se surgi- rem outras crises. Lembre-se que enquanto prestamos muita atenção no turbilhão de informações da crise financeira e política, há um avanço das rivalidades religiosas, raciais, geopolíticas, tanto interna quanto externamente. Quem quer se preparar, pre- cisa considerar estas crises também, estando consciente de que parado, assistindo a tudo, sem consumir, nem investir, só comentando e não agindo, está muito longe de ser previ- dente e preparado para uma crise. Infelizmente a grande maioria das pesso- as tende a simplificar tudo, fugindo do que é complexo e preferindo as soluções que pare- cemmaissimples.Lembrocomfrequenciade um professor que sempre nos lembrava que um avião nunca cai por um motivo apenas, assim como uma empresa, uma organização só sucumbe após um conjunto de falhas em sequencia, contribuindo umas com as outras para determinar o final trágico. Todos os ciclos econômicos, financeiros, climáticos, políticos, demográficos afetam nossas vidas e alguns deles representam grandes oportunidades, que alguns poucos vão aproveitar. Para aproveitar é preciso estar preparado, sabendo o que se quer da vida, para então poder ver as oportunidades. Dos poucos que veem as oportunidades, poucos, estão preparados para terem atitu- des de tomar a melhor decisão, no melhor momento. Selecionar as ideias, ter claro o que deseja para o futuro, colocar o foco das energias nestes objetivos e procurar informações e conhecimento o mais original possível é o caminho. Informações a partir de opiniões e interpretações que possam conter, mesmo que implícitas, algumas ten- dências sejam elas quais forem, ideológicas, religiosas, pessimistas, ou otimistas, não devem ser a fonte de informações para a tomada final de decisões. Temos um excesso de opiniões, polêmicas e debates desnecessários e uma terrível carência, quase desesperadora, de pessoas capazes de tomar decisões e ações que con- tribuam de fato com o que precisamos para viver dignamente, em paz e melhor. Vamos em frente! Desejando melhores dias a todos, um abraço e até a próxima! Oportunidades na crise Marcelo Blume
  11. 11. jornal evolução Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 11Geral Obras na Skate Park estão adiantadas Pista será referência estadu- al na modalidade A obra de construção da Ska- tepark está em fase adiantada e nesta semana as equipes traba- lham na finalização das rampas de manobras. O piso já foi con- cretado, o intertravado das la- terais está finalizado e agora as rampas estão recebendo os últi- mos detalhes. A administração municipal trabalha agora para conquistar a segunda e terceira etapa da pista. A Skate Plaza será uma re- ferência estadual e deverá ser homologada pela Confederação Brasileira de Skate (CBSk) po- dendo receber competições ofi- ciais da modalidade. Segundo o secretário de Esportes, Lazer e Juventude, João Cunha Lopes, a ideia é transformar o local, an- tes abandonado, em um espaço de eventos e atividades físicas. Porém o secretário alerta que o piso não está pronto e ainda não pode receber manobras de skatistas. O projeto da Skatepark foi realizado pelo skatista Frederi- co Cheuiche, especialista neste tipo de trabalho, e por pessoas que conhecem o esporte. A obra é uma mistura de famosas pra- ças de skate, como a Praça da Sé em São Paulo e da praça em Barcelona, na Espanha. A construção de uma praça de skate é uma demanda antiga de quem atualmente divide o es- paço entre os carros, correndo o risco de sofrer acidentes. Para o Secretário João a construção da skatepark é um sonho de mais de 20 anos e graças ao empenho do Prefeito Juliano da Silva e dos vereadores do PMDB passa a se tornar realidade: “Estamos muito felizes com o andamento do projeto, pois esta pista repre- senta um avanço na área espor- tiva e atende uma antiga deman- da” destaca o Prefeito. Furto Qualificado – Cruz Alta Em 17 de dezembro de 2015, às 15h45min, na rua Coronel Martins. Versão policial furto arrombamento em residência onde o individuo ser- rou uma grade da janela e quebrou uma veneziana de madeira da janela lateral esquerda da residência. Em contato com a vítima relatou o que se- gue. Relato da vitima P.V.S. uma vizi- nha avisou que havia adentrado na re- sidência e tinham pulado o muro com algum objeto. Este indivíduo segundo a vizinha tinha olho claro e era loiro. O individuo para entrar na residência quebrou uma veneziana de madeira e serrou uma grade da janela lateral da residência do interior foi furtada uma televisão 32 polegadas. Foi danifica- da a fechadura da porta dos fundos. Furto de Veículo – Cruz Alta Em 17 de dezembro de 2015, às 00h20min, na rua José Basílio de Campos. O comunicante L.J.A.F. relata que deixou seu veículo vw/ gol, estacionado em via publica pró- ximo ao posto Texaco, sendo que ao retornar para busca-lo constatou que haviam furtado seu veículo. Recuperação de Veículo – Cruz Alta Em 17 de dezembro de 2015, às 00h50min, na rua Maria de Lourdes Rousselet. Comunica F.A.C. que foi despachado pela sala de rádio da BM para se deslocarem até o bairro jardim primavera II, onde havia dois indivíduos furtando acessórios do ve- ículo vw/gol. No local encontraram o veículo sem aparelho de som automo- tivo. A roda traseira direita foi retira- da do veículo, porém foi deixado ao lado do mesmo, não foi subtraída. No porta luvas estava o crlv, dois molhos de chaves, um controle remoto e um óculos de sol marca. Entraram em contato com o proprietário do veícu- lo, da cidade de Santa Bárbara do Sul e o mesmo disse que a empresa ven- deu o veículo para terceiros porém não soube informar quem. PLANTÃO POLICIAL
  12. 12. ano XVIi - nº 999- cruz alta Cruz Alta, 20 de dezembro de 2015 Para você manter sua cultura em alta Anvisa não vê restrições no uso de repelentes por gestantes Frente às dúvidas surgidas recentemente sobre o uso de re- pelentes de insetos de uso tópico em gestantes, considerando a re- lação que possivelmente há entre o Zika vírus e os casos de micro- cefalia diagnosticados no país, a Anvisa esclarece: não há, dentro das normas da Agência, qualquer impedimento para a utilização destes produtos por mulheres grávidas, desde que estejam de- vidamente registrados na Anvisa e que sejam seguidas as instru- ções de uso descritas no rótulo. Estudos conduzidos em hu- manos durante o segundo e o terceiro trimestres de gestação, e em animais durante o primeiro trimestre, indicam que o uso tó- pico de repelentes à base de n,n- Dietil-meta-toluamida (DEET) por gestantes é seguro. No entanto, tais produtos não devem ser usados em crianças menores de dois anos. Em crian- ças entre dois e 12 anos, a con- centração dever ser no máximo 10% e a aplicação deve se res- tringir a três vezes por dia. Con- centrações superiores a 10% são permitidas para maiores de 12 anos. Além do DEET, no Brasil são utilizadas em cosméticos as substâncias repelentes Hydro- xyethylisobutylpiperidinecarbo- xylate (Icaridin ou Picaridin) e Ethylbutylacetylaminopropiona- te (EBAAP ou IR 3535), além de óleos essenciais, como Citronela. Embora não tenham sido encon- trados estudos de segurança re- alizados em gestantes, estes in- gredientes são reconhecidamente seguros para uso em produtos cosméticos conforme compên- dios de ingredientes cosméticos internacionais. Nos EUA, os produtos re- pelentes são regularizados pela United States Enviromental Protection Agency (EPA). As seguintes substâncias estão pre- sentes em produtos regularizados pela EPA: Catnipoil, Óleo de ci- tronela; DEET; IR 3535; p-Men- thane-3,8-diol e 2-undecanone ou methylnonylketone. Portanto, os ativos utilizados no Brasil es- tão dentre os utilizados nos Esta- dos Unidos. O Center for Disease Control e Prevention (CDC), também nos EUA, recomenda o uso de produ- tos repelentes por gestante, uma vez que a Enviromental Protec- tion Agency (EPA), responsável pela autorização de uso destes produtos nos EUA, não estabe- lece nenhuma restrição nesse sentido. Entretanto, destaca que as recomendações de uso da ro- tulagem devem ser consideradas. Repelentes ambientais e inse- ticidas - Repelentes ambientais e inseticidas também podem ser utilizados em ambientes frequen- tados por gestantes, desde que estejam devidamente registrados na Anvisa e que sejam seguidas as instruções de uso descritas no rótulo. A Anvisa não permite a utili- zação de substâncias que sejam comprovadamente carcinogêni- cas, mutagênicas ou teratogêni- cas em produtos saneantes. En- tretanto, como os produtos são destinados a superfícies e am- bientes, não são apresentados estudos com aplicação direta em pessoas o que significa que uma superexposição da gestante ao produto pode não ser segura. Dessa forma, a segurança para a utilização desses produtos em ambientes frequentados por ges- tantes depende da estrita obedi- ência a todos os cuidados e pre- cauções descritas nos rótulos dos produtos. Exemplo de restrição trazida no rótulo é: “Durante a aplicação não devem permanecer no local pessoas ou animais domésticos”. Os produtos comumente uti- lizados no combate e/ou no con- trole da população do mosquito Aedes aegypti são: Inseticidas Indicados para matar os mos- quitos adultos e são encontrados principalmente em spray e ae- rossol. Os inseticidas possuem substâncias ativas que matam os mosquitos e componentes com- plementares tais como solubili- zantes e conservantes. Repelentes Apenas afastam os mosquitos do ambiente, podendo ser en- contrados na forma de espirais, líquidos e pastilhas utilizadas, por exemplo, em aparelhos elé- tricos. Os repelentes utilizados em aparelhos elétricos ou espi- rais não devem ser utilizados em locais com pouca ventilação nem na presença de pessoas asmáticas ou com alergias respiratórias. Po- dem ser utilizados em qualquer ambiente da casa desde que este- jam, no mínimo, a dois metros de distância das pessoas. Os inseticidas “naturais” à base de citronela, andiroba e óleo de cravo, entre outros, não pos- suem comprovação de eficácia nem a aprovação pela Anvisa até o momento. Os produtos que se encontram atualmente regulari- zados na Anvisa com tais com- ponentes possuem sempre outra substância como princípio ativo. Portanto, todos os produtos apregoados como “naturais”, co- mumente comercializados como velas, odorizantes de ambientes, limpadores e os incensos, que in- dicam propriedades repelentes de insetos, não estão aprovados pela Agência e estão irregulares.

×