Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.

Feridas e Curativos

658 vues

Publié le

Elayne Nunes e Taís Nascimento.
Técnicas de Enfermagem

Publié dans : Santé & Médecine
  • Soyez le premier à commenter

Feridas e Curativos

  1. 1. FERIDAS E CURATIVOS
  2. 2. INTRODUÇÃO PELE Maior órgão do corpo do humano. Correspondendo a 16% do peso corporal. Composição • Epiderme • Derme • Hipoderme
  3. 3. FUNÇÕES DA PELE • Manter a integridade do corpo; • Proteger o corpo contra infecções, lesões ou traumas; • Absorver e excretar líquidos; • Manter a temperatura corpórea; • Sintetizar Vit. D com a exposição aos raios solares; • Agir como órgão do sentido.
  4. 4. FERIDAS E SUAS CLASSIFICAÇÕES Ferida É qualquer interrupção na continuidade da pele, que afeta a sua integridade. Úlcera É um tipo de lesão aberta, que pode aparecer em vários locais do corpo. Causa dor e incomodo.
  5. 5. TIPOS DE ÚLCERAS Úlcera por pressão Úlceras peptídicas
  6. 6. ÚLCERA VENOSA ÚLCERA ARTERIAL
  7. 7. CLASSIFICAÇÕES CAUSA Cirúrgica Traumática
  8. 8. Patológica Iatrogênica
  9. 9. Aguda Crônica
  10. 10. Limpa Limpa contaminada
  11. 11. Contaminada Infectada
  12. 12. AVALIAÇÃO DO ESTADO DA FERIDA MENSURAÇÃO Determinar o tamanho da ferida, em: largura, comprimento, circunferência e profundidade.
  13. 13. Largura Comprimento
  14. 14. Circunferência Profundidade
  15. 15. INSTRUMENTOS UTILIZADOS NA MENSURAÇÃO
  16. 16. Localização • Potencial de contaminação • Documentação 1. Motivo 2. História 3. Evolução 4. Local da lesão
  17. 17. Por coloração
  18. 18. TRATAMENTO DE FERIDAS Refere-se aos cuidados prestados pelos profissionais de saúde, no tratamentos de feridas e úlceras.
  19. 19. TIPOS DE CICATRIZAÇÃO Cicatrização Após a lesão o tecido imediatamente inicia o fenômeno dinâmico conhecido como cicatrização, com a finalidade de restaurar o tecido lesado.
  20. 20. • Primeira intenção • Segunda intenção • Terceira intenção
  21. 21. CURATIVO É um meio que consiste na limpeza e uma aplicação de uma cobertura estéril em uma ferida.
  22. 22. • Objetivos do curativo • A escolha do curativo dependerá 1. A etiologia e localização da lesão; 2. Tamanho da ferida; 3. Condições clinicas; 4. Fase do processo de cicatrização.
  23. 23. FINALIDADES DO CURATIVO • Remover corpos estranhos; • Reaproximar bordas separadas; • Proteger a ferida contra contaminação e infecções; • Proteger a cicatrização da ferida; • Diminuir a intensidade da dor.
  24. 24. CURATIVO IDEAL • Evitar a contaminação de feridas limpas; • Facilitar a cicatrização; • Reduzir a infecção nas lesões contaminadas; • Observar secreções; • Promover a hemostasia com os curativos compressivos; • Manter o contato de medicamentos junto a ferida; • Promover conforto ao paciente.
  25. 25. PREPARO DO CURATIVO
  26. 26. TIPOS DE CURATIVO Limpo Com drenagem
  27. 27. Contaminado Aberto
  28. 28. Semi-oclusivo Oclusivo
  29. 29. Compressivo Sutura com fita adesiva
  30. 30. TÉCNICA PARA REALIZAR CURATIVO
  31. 31. 1- limpar e prepara a bandeja com álcool 70% 2- lavar as mãos 3- levar o material para junto do paciente 4- colocar as gazes no campo, abrindo o pacote de gaze com técnica 5- descobrir o local do curativo 6- retirar o curativo sujo existente, colocar na cuba rim 7- proceder a limpeza do ferimento, com a pinça montada com gaze embebido em solução prescrita. Seguir os princípios do menos contaminado para o mais contaminado.
  32. 32. 08- observar as condições da lesão 09- aplicar a solução prescrita, em caso de pomada usar sobre a gaze distribuindo com uma espátula 10- desprezar o material contaminado 11- deixar o paciente confortável 12- cuidar do material usado 13- lavar as mãos 14- anotar no prontuário do paciente, hora, local do ferimento, solução e medicamento usado, aspecto e grau de cicatrização.
  33. 33. OUTROS TIPOS DE CURATIVOS E ALGUMAS SOLUÇÕES UTILIZADAS Alginato de cálcio Carvão ativado e prata
  34. 34. Colágeno biológico Hidropolímeros
  35. 35. Hidrogel Hidrocolóides
  36. 36. Fator de crescimento celular Sulfadiazina de prata
  37. 37. SORO FISIOLÓGICO CLOREXIDINA ALCOÓLICA
  38. 38. CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM INTRODUÇÃO A ENFERMAGEM PROFª ROCHELLY LUCAS EQUIPE DANIELE ELAYNE NUNES EURISLENE JOSILENE LISSA SAMILLA SHÉLYDA TAÍS NASCIMENTO WÉRIK

×