Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.
A ARTE GREGA
A arte grega é feita à medida do homem. A sua arquitectura e escultura não têm qualquer semelhança com a das civilizações ...
Arquitectura
A ORDEM DÓRICA – fase arcaica Friso  dividido em  triglifos e  métopas Arquitrave ou lintel liso Fuste estriado e com ares...
Ictino e Calícrates.  447-432 a. C. Atenas.  A obra foi dirigida por  Fidias .
 
A ORDEM JÓNICA – fase clássica Base ática Fuste cilíndrico estriado (monolítico, de uma peça) Capitel com 2 volutas, (Deco...
Atena Niké
ERECTEION Templo composto, dedicado a três deuses: Poseidón, Krekrops e Athena.  Jónico, destaca-se aqui o uso das Cariáti...
 
A ORDEM CORÍNTIA – fase helenística Com Base Fuste cilíndrico estriado e muito trabalhado Capitel com volutas e  Folhas de...
 
 
PLANO Do TEATRO DE EPIDAURO O teatro grego teve um grande desenvolvimento na  época helenística . Era construído em espaço...
Escultura
<ul><li>A -  arcaica  - primitiva (figuras estilizadas de corpo triangular e longo pescoço) e matura ou tardia (séc. VII/V...
B - fase de transição - fins do séc. VI à segunda metade do séc. V a.C.
<ul><li>C -  clássica  - da segunda metade do séc. V e séc. IV a.C. Caracteriza-se: </li></ul><ul><li>pela representação d...
 
O Cânone de Policleto
D -  helenística  - dos fins do séc. IV ao séc. II a.C. Tem como características, a expressividade, a emoção, acção, senti...
 
Pintura
Da pintura grega só já nos restam os desenhos que decoram as peças cerâmicas. Estas peças eram decoradas com temas inspira...
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

A arte grega

49 433 vues

Publié le

Publié dans : Formation

A arte grega

  1. 1. A ARTE GREGA
  2. 2. A arte grega é feita à medida do homem. A sua arquitectura e escultura não têm qualquer semelhança com a das civilizações anteriores. As obras de arte são feitas à escala humana. A sua execução atinge uma perfeição , proporção, equilíbrio e harmonia que servirá de modelo a outras civilizações, ao longo dos tempos.
  3. 3. Arquitectura
  4. 4. A ORDEM DÓRICA – fase arcaica Friso dividido em triglifos e métopas Arquitrave ou lintel liso Fuste estriado e com arestas vivas (não é um bloco monolítico,está dividido em peças, chamadas de “ tambor”. Sem base ( o fuste descansa sobre o estilóbato) Capitel composto por ábaco e equino ) cornija Frontão Tímpano
  5. 5. Ictino e Calícrates. 447-432 a. C. Atenas. A obra foi dirigida por Fidias .
  6. 7. A ORDEM JÓNICA – fase clássica Base ática Fuste cilíndrico estriado (monolítico, de uma peça) Capitel com 2 volutas, (Decorado com uma linha de ovas e um cordão de Pérolas) Arquitrave (dividida em 3 franjas horizontais escalonadas) Friso , decorado com relevo
  7. 8. Atena Niké
  8. 9. ERECTEION Templo composto, dedicado a três deuses: Poseidón, Krekrops e Athena. Jónico, destaca-se aqui o uso das Cariátides como colunas. Quando as figuras eram masculinas, eram chamadas de Atlantes. O seu construtor foi Mnesicles.
  9. 11. A ORDEM CORÍNTIA – fase helenística Com Base Fuste cilíndrico estriado e muito trabalhado Capitel com volutas e Folhas de acanto Arquitrave (dividida) Friso , muito decorado com relevo
  10. 14. PLANO Do TEATRO DE EPIDAURO O teatro grego teve um grande desenvolvimento na época helenística . Era construído em espaços abertos, aproveitando as montanhas, para aí escavar a bancada. É composto por: Orquestra , uma área circular em torno da qual se organiza o teatro. A Cena , plataforma onde estavam os actores. Existiam ainda as bancadas e os parodos (acessos laterais).
  11. 15. Escultura
  12. 16. <ul><li>A - arcaica - primitiva (figuras estilizadas de corpo triangular e longo pescoço) e matura ou tardia (séc. VII/VI a.C.). Caracteriza-se: </li></ul><ul><li>pelo sentido de volume e desenho; </li></ul><ul><li>figuras de influência egípcia e suméria; </li></ul><ul><li>simetria rigorosa, rigidez e falta de naturalidade; </li></ul><ul><li>utilização de corpos cilíndricos, rosto triangular ovoidal, braços ligados ao longo do corpo. Cabelos em caracóis agarrados à cabeça, sem leveza. São características as Kóre (femininas) e os Kouros (masculinos). </li></ul>
  13. 17. B - fase de transição - fins do séc. VI à segunda metade do séc. V a.C.
  14. 18. <ul><li>C - clássica - da segunda metade do séc. V e séc. IV a.C. Caracteriza-se: </li></ul><ul><li>pela representação de uma beleza idealizada e perfeita. É a perfeição dos deuses humanizados. As vestes são suaves, delicadas e transparentes, dando a ideia de movimento, vida e volume por debaixo delas; </li></ul><ul><li>a anatomia do corpo é atentamente estudada de modo a ser representada de forma realista. Durante o século IV, as figuras tornam-se mais delicadas e graciosas. O artista consegue fazer do material aquilo que quer, criando obras de uma graça natural e coesão perfeita. </li></ul>
  15. 20. O Cânone de Policleto
  16. 21. D - helenística - dos fins do séc. IV ao séc. II a.C. Tem como características, a expressividade, a emoção, acção, sentimento, dor, angústia, alegria... Por outro lado, movimento, teatralidade, realismo, são o comum deste período. O séc. III é um século racionalista, onde os deuses olímpicos já não têm razão de existir. Criou-se uma arte à medida do homem e virada para a realidade da vida. Agora, os temas são o homem e a vida na terra, desde o seu nascimento à sua morte, retractando o sofrimento e a alegria. Laocoont Gal moribundo
  17. 23. Pintura
  18. 24. Da pintura grega só já nos restam os desenhos que decoram as peças cerâmicas. Estas peças eram decoradas com temas inspirados na mitologia e no quotidiano. Até ao séc. VI a.C., o fundo dos vasos era pintado a vermelho e as figuras a negro. A partir do séc. V a.C., esta tendência inverteu-se. Agora, as figuras apresentam-se a vermelho sobre um fundo negro.

×