Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.
Maria João Spilker
06/2016
Introduction
“We tend to overestimate the effect
of a technology in the short run
and underestimate the effect in the
long...
Cadeia de Valor da …
Aprendizagem
Transferência do Conhecimento
Desenvolvimento de Competências
Alteração de Comportame...
Micro-Learning
• Alterações no mundo empresarial globalizado
• Tecnologia
• Necessidade de constante atualização de conhec...
Micro-learning
Obstáculos à Formação
• Falta de tempo
• Falta de suporte
• Falta de recursos
• Falta de interesse e
motiva...
Micro-Learning
Motivante e interessante
Rápida e efetiva no atualizar de conhecimentos
Eliminar lucas de conhecimentos
Con...
Micro-Learning
Aprendizagem informal
Aprendizagem situada local de trabalho
Aprendizagem móvel
Micro-Learning | Nano-Learn...
Do it Yourself
Maria João Spilker
06/2016
Maria João Spilker
06/2016
Maria João Spilker
06/2016
Micro-Learning
Micro-
Meso- Learning
Macro-
Programa de Formação
Reorganização em mini-cursos
Pequenos fragmentos de inf...
Microlearning
• Interação com os microconteúdos
Plataformas, blogs, microblogs, wikis, etc.
• Realização de uma tarefa de ...
Microlearning
• Aumento da produtividade:
o Módulos curtos  menor ausência do local de trabalho
o “fits into workflow”
• ...
“Bago a bago, enche a galinha o papo”“Bago a bago, enche a galinha o papo”
https://www.flickr.com/photos/unitedsoybean/962...
Maria João Spilker
06/2016
Referências
• Hug, T. (2005): Micro learning and narration. Exploring possibilities of utilization
of narrations and story...
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

Inspired training: Micro-Learning

189 vues

Publié le

Inspired training: Micro-Learning

Publié dans : Formation
  • Soyez le premier à commenter

  • Soyez le premier à aimer ceci

Inspired training: Micro-Learning

  1. 1. Maria João Spilker 06/2016
  2. 2. Introduction “We tend to overestimate the effect of a technology in the short run and underestimate the effect in the long run.” Roy Charles Amara (1925-2007) Institute for the Future Amara’s Law Maria João Spilker 06/2016
  3. 3. Cadeia de Valor da … Aprendizagem Transferência do Conhecimento Desenvolvimento de Competências Alteração de Comportamentos Impacto no Negócio Retorno do investimento (ROI) Maria João Spilker 06/2016
  4. 4. Micro-Learning • Alterações no mundo empresarial globalizado • Tecnologia • Necessidade de constante atualização de conhecimentos Introdução Maria João Spilker 06/2016
  5. 5. Micro-learning Obstáculos à Formação • Falta de tempo • Falta de suporte • Falta de recursos • Falta de interesse e motivação Maria João Spilker 06/2016
  6. 6. Micro-Learning Motivante e interessante Rápida e efetiva no atualizar de conhecimentos Eliminar lucas de conhecimentos Contribuir para a alteração de comportamentos e atitudes Formação
  7. 7. Micro-Learning Aprendizagem informal Aprendizagem situada local de trabalho Aprendizagem móvel Micro-Learning | Nano-Learning | Learning nuggets Tendências Maria João Spilker 06/2016
  8. 8. Do it Yourself Maria João Spilker 06/2016
  9. 9. Maria João Spilker 06/2016
  10. 10. Maria João Spilker 06/2016
  11. 11. Micro-Learning Micro- Meso- Learning Macro- Programa de Formação Reorganização em mini-cursos Pequenos fragmentos de informação Micro-Learning “… deals with relatively small learning units and short-term learning activities.” (Hug, 2009) Maria João Spilker 06/2016
  12. 12. Microlearning • Interação com os microconteúdos Plataformas, blogs, microblogs, wikis, etc. • Realização de uma tarefa de curta duração (< 15 min) • Desenvolvimento pessoal e profissional • Utilização de ferramentas tecnológicas • Estratégia de aprendizagem Caraterísticas Maria João Spilker 06/2016
  13. 13. Microlearning • Aumento da produtividade: o Módulos curtos  menor ausência do local de trabalho o “fits into workflow” • Potencia a retenção o Somente informações chave são apresentadas • Acessíveis o Redução de custos de criação e disponibilização • Flexibilidade o On-demand Benefícios Maria João Spilker 06/2016
  14. 14. “Bago a bago, enche a galinha o papo”“Bago a bago, enche a galinha o papo” https://www.flickr.com/photos/unitedsoybean/9624502532/
  15. 15. Maria João Spilker 06/2016
  16. 16. Referências • Hug, T. (2005): Micro learning and narration. Exploring possibilities of utilization of narrations and storytelling for the designing of “micro units” and didactical micro-learning arrangements. In: Proceedings of the International Conference "Media in Transition 4: The Work of Stories " at the M.I.T. in Cambridge (MA), USA, May 6-8, 2005. • ____ (2006). Microlearning: A new pedagogical challenge. In K. Habitzel, T. D. Mark, B. Stehno, & S. Prock (Eds.). Conference Series: Innsbruck University Press, 7-12. • ____ (2010). Mikrolernen - konzeptionelle Überlegungen und Anwendungsbeispiele. In Jahrbuch • Medienpädagogik 8: Medienkompetenz und Web 2.0, Wiesbaden: VS Verlag, 221- 238. Fotos: https://stocksnap.io/ Maria João Spilker 06/2016

×