Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.
BIOLOGIA
Duplicação do DNA & RNADuplicação do DNA & RNA
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
1) A Estrutura do DNA
Elucidada em 1953 por Watson e Crick
o Modelo Helicoidal – Dupla ...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
2) Propriedades da Duplicação
a) O DNA é a única molécula capaz de sofrer auto-duplicaç...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
A Enzima DNA polimerase capta nucleotídeos
e os unem, conforme o pareamento:
A-T / G-C
...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.1) Origem de Replicação É uma macromolécula, ou
seja, uma molécula muito
grande, pode...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA
é aberto em locais específicos
ch...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA
é aberto em locais específicos
ch...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA
é aberto em locais específicos
ch...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.2) Início da Replicação
1. A enzima DNA polimerase não é capaz de iniciar uma fita a ...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
3.3) Sentido de Alongamento do DNA: 5’  3’
• A DNA polimerase percorre o DNA sempre no...
DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA
4) Vídeo
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

duplicação do dna e rna

3 852 vues

Publié le

Publié dans : Formation
  • Soyez le premier à commenter

duplicação do dna e rna

  1. 1. BIOLOGIA Duplicação do DNA & RNADuplicação do DNA & RNA
  2. 2. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 1) A Estrutura do DNA Elucidada em 1953 por Watson e Crick o Modelo Helicoidal – Dupla Hélice
  3. 3. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 2) Propriedades da Duplicação a) O DNA é a única molécula capaz de sofrer auto-duplicação. b) A duplicação do DNA ocorre sempre quando uma célula vai se dividir. c) Ocorre durante a fase S da intérfase. d) É do tipo semiconservativa, pois cada molécula nova apresenta uma das fitas vinda da molécula original e outra fita recém sintetizada. Fita mãe Fita filha Duplicação semiconservativa
  4. 4. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA A Enzima DNA polimerase capta nucleotídeos e os unem, conforme o pareamento: A-T / G-C A Enzima DNA polimerase capta nucleotídeos e os unem, conforme o pareamento: A-T / G-C Para este processo ocorrer é necessário energia! De onde será que vem essa energia? Para este processo ocorrer é necessário energia! De onde será que vem essa energia? Os nucleotídeos que chegam carregam consigo 3 grupos fosfatos. Quando o nucleotídeo é inserido na fita há liberação de energia Os nucleotídeos que chegam carregam consigo 3 grupos fosfatos. Quando o nucleotídeo é inserido na fita há liberação de energia Energia Essa energia liberada é então utilizada pela Enzima DNA polimerase para unir um nucleotídeo ao outro. Essa energia liberada é então utilizada pela Enzima DNA polimerase para unir um nucleotídeo ao outro.
  5. 5. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.1) Origem de Replicação É uma macromolécula, ou seja, uma molécula muito grande, podendo conter milhares de nucleotídeos. É uma macromolécula, ou seja, uma molécula muito grande, podendo conter milhares de nucleotídeos.
  6. 6. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação. Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação.
  7. 7. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação. Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação. As origens de replicação formam “bolhas de replicação” que avançam para os dois lados simultaneamente. As origens de replicação formam “bolhas de replicação” que avançam para os dois lados simultaneamente.
  8. 8. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.1) Origem de Replicação Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação. Por ser muito extenso o DNA é aberto em locais específicos chamados Origens de replicação. As origens de replicação formam “bolhas de replicação” que avançam para os dois lados simultaneamente. As origens de replicação formam “bolhas de replicação” que avançam para os dois lados simultaneamente. Por isso a replicação do DNA é dita Bidirecional Por isso a replicação do DNA é dita Bidirecional A medida que vão avançando elas vão se encontrando até duplicar o DNA inteiro. A medida que vão avançando elas vão se encontrando até duplicar o DNA inteiro. Semiconservativa
  9. 9. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.2) Início da Replicação 1. A enzima DNA polimerase não é capaz de iniciar uma fita a partir do nada. 2. As DNA’s polimerase necessitam de uma fita inicializadora auxiliar (PRIMER) 3. Uma enzima chamada PRIMASE confecciona o primer para que a DNA polimerase possa iniciar a duplicação do DNA.
  10. 10. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 3.3) Sentido de Alongamento do DNA: 5’  3’ • A DNA polimerase percorre o DNA sempre no sentido 5’  3’ • Dessa maneira o DNA novo só pode crescer neste sentido 5’  3’ 1) Na frente vai a enzima helicase abrindo a dupla hélice. 1) Na frente vai a enzima helicase abrindo a dupla hélice. Etapas da duplicaçãoEtapas da duplicação 2) A fita de cima é chamada fita líder pois se encontra na orientação correta (5’  3’) 2) A fita de cima é chamada fita líder pois se encontra na orientação correta (5’  3’) 3) Na medida que a helicase vai abrindo a dupla hélice a DNA polimerase vai sintetizando a fita líder 3) Na medida que a helicase vai abrindo a dupla hélice a DNA polimerase vai sintetizando a fita líder 4) Só que o DNA apresenta uma orientação anti-paralela entre as duas fitas. 4) Só que o DNA apresenta uma orientação anti-paralela entre as duas fitas. 5) Isso significa que se a fita líder está na orientação correta (5’  3’) a outra não está. 5) Isso significa que se a fita líder está na orientação correta (5’  3’) a outra não está. 6) A fita de baixo é chamada de fita retardada, pois nesse caso a DNA polimerase alonga esta fita no sentido contrário à helicase. 6) A fita de baixo é chamada de fita retardada, pois nesse caso a DNA polimerase alonga esta fita no sentido contrário à helicase. 7) Dessa maneira, a fita retardada é sintetizada de trechos em trechos a partir de primers formando vários fragmentos de DNA. 7) Dessa maneira, a fita retardada é sintetizada de trechos em trechos a partir de primers formando vários fragmentos de DNA. 8) No final do processo: Os primers da fita retardada são removidos e os fragmentos de DNA unidos pela DNA polimerase. 8) No final do processo: Os primers da fita retardada são removidos e os fragmentos de DNA unidos pela DNA polimerase.
  11. 11. DUPLICAÇÃO DO DNADUPLICAÇÃO DO DNA 4) Vídeo

×