Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.

Slaide sobre deficiencia intelectual 2

156 285 vues

Publié le

  • Soyez le premier à commenter

Slaide sobre deficiencia intelectual 2

  1. 1. DeficiênciaIntelectual: o queé?A DI pode ser definida como “funcionamento intelectual inferior à média”, levando-se emconta o QI (quociente intelectual) do indivíduo associado às limitações adaptativas empelo menos duas áreas das seguintes habilidades:
  2. 2. -Lazer- Saúde- Segurança- Trabalho- Comunicação- Autocuidado- Determinação- Vida no lar- Adaptação social- Funções acadêmicas-Uso de recursos da comunidade
  3. 3. CAUSAS DA DEFICIÊNCIAINTELECTUALPode-se afirmar que a DI tem várias causas, como: fatoresgenéticos, Peri natais (ocorridos durante a gestação e oparto) e pós-natais. Os fatores genéticos sejamcromossomos ou genes estão classificados em síndromesque muitas vezes recebem o nome de seus identificadores( Síndrome de Down, Síndrome de Ret etc.) podem ser denatureza tóxica ( drogas teratogênicas). Traumáticas ouinfecciosas por vírus, portanto conclui-se que existem váriosfatores internos e externos que podem causar umadeficiência intelectual.
  4. 4. CARACTERÍSTICAS DE DIFalta de concentração, entraves nacomunicação e na interação e menorcapacidade para entender a lógica defuncionamento das línguas, por nãocompreender a representação escrita ounecessitar de um sistema de aprendizadodiferente.
  5. 5. COMPREENDENDO O ALUNO COM DIAlunos com dificuldade de concentração precisamde espaço organizado, rotina, atividades lógicase regras.Ele precisa desenvolver a habilidade de prestaratenção com estratégias diferenciadas para,depois, entender o conteúdo", diz Maria TerezaEglér Mantoan, doutora e docente em psicologiaeducacional.
  6. 6. DIDÁTICA PARA OENSINO DE ALUNOSCOM DISegundo Piaget, não existe uma diferençaestrutural entre o desenvolvimento cognitivo depessoas “normais” e “deficientes”..Portanto, para ele a única diferença das pessoascom deficiência intelectual para com as normaisse observa através do ritmo da construção dasestruturas mentais, ou seja, o deficientedesenvolve-se mais lentamente e não consegueconcluir o processo de construção das estruturasda inteligência.
  7. 7. Vygotsky estabelece uma relação estreita entre o jogo eaprendizagem, atribuindo-lhe uma grande importância para odesenvolvimento cognitivo resultante da interação entre a criança e aspessoas com quem mantém contatos. O jogo e o brincar fazem partedo ser humano em toda e qualquer idade, são fundamentais para odesenvolvimento, pois estimula construção de conhecimento atravésde aprendizagem significativa.Mantoan (1992) assinala que os indivíduos com deficiência intelectualconfiguram uma construção inacabada, tendo uma lentidão significativano processo intelectual. Portanto cabe a escola proporcionar condiçõesque possibilite o desenvolvimento das potencialidades, sem levar emconta as características da deficiência e sim o que ele possa estardesenvolvendo.
  8. 8. Exemplos de estratégias possíveis deserem desenvolvidas:* Manter uma rotina diária de trabalhos;Utilizar cartazes de referencias e orientações:, calendário,presença, rotina, aniversário, alfabeto, números, etc;Propor trabalhos e atividades que possam auxiliar odesenvolvimento de habilidades adaptativas: sociais, decomunicação, cuidados pessoais, autonomia;As atividades devem ser explicadas de forma lenta e tranqüila,repetindo quantas vezes forem necessárias, (a repetição e rotina deaplicação das atividades, possui grande importância nodesenvolvimento, compreensão e aprendizagem de alunos comdeficiência intelectual;
  9. 9. ADAPTAÇÃO CURRICULAR PARA ALUNOS COM DIAdaptação curricular está fundamentada emquatro critérios básicos:1- O que o aluno deve aprender.2- Como e quando aprender.3- Que formas de organização do ensino sãomais eficientes no processo de aprendizagem.4- O que, como e quando avaliar o aluno.
  10. 10. COMO AVALIARO ALUNO COM DIVários instrumentos podem ser utilizados, com sucesso,para avaliar os alunos, permitindo um acompanhamentodo seu percurso escolar e a evolução de suascompetências e de seus conhecimentos. Um dosrecursos que poderá auxiliar o professor a organizar aprodução dos seus alunos e por isso avaliar comeficiência é utilizar um portfólio.A utilização do portfólio permite conhecer a produçãoindividual dos alunos e analisar a eficiência das práticaspedagógicas do professor.
  11. 11. Clique para editar o estilo do subtítulo mestre

×