Rio TÂMEGA

TECNICEA
O rio Tâmega (Támega em galego):
 rio internacional
 nasce na Serra de San Mamede, província de 
Ourense, (Galiza, Espan...
Afluentes
Ribeira de Arcossó perto de Outeiro Seco
Ribeiro da Curalha em Curalha
Rio Bessa em Ribeira de Pena
Rio de Cavez...
No Verão, a água corrente escasseia, originadose grande degradação na sua qualidade.
No Inverno, com a abundância de preci...
Entra em Portugal pela extensa veiga de
Chaves,vale estrutural (linha de fractura, VerinRégua), inactivo do ponto de vista...
Na primeira parte do seu curso em
Portugal,ficam-lhe a Este as alturas do
Brunheiro (919 m), e a Oeste os vários degraus
q...
Na primeira parte do seu curso em
Portugal,ficam-lhe a Este as alturas do
Brunheiro (919 m), e a Oeste os vários degraus
q...
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

Rio tâmega

735 vues

Publié le

Trabalho elaborado no âmbito do projeto tecnicea. 2013\2014

Publié dans : Formation
0 commentaire
0 j’aime
Statistiques
Remarques
  • Soyez le premier à commenter

  • Soyez le premier à aimer ceci

Aucun téléchargement
Vues
Nombre de vues
735
Sur SlideShare
0
Issues des intégrations
0
Intégrations
140
Actions
Partages
0
Téléchargements
3
Commentaires
0
J’aime
0
Intégrations 0
Aucune incorporation

Aucune remarque pour cette diapositive

Rio tâmega

  1. 1. Rio TÂMEGA TECNICEA
  2. 2. O rio Tâmega (Támega em galego):  rio internacional  nasce na Serra de San Mamede, província de  Ourense, (Galiza, Espanha)  desagua  em Entre-os-Rios no Rio  Douro.
  3. 3. Afluentes Ribeira de Arcossó perto de Outeiro Seco Ribeiro da Curalha em Curalha Rio Bessa em Ribeira de Pena Rio de Cavez em Cabeceiras de Basto Rio Louredo Ribeira de Moimenta em Cabeceiras de Basto Rio Cabril em Mondim de Basto Rio Olo perto de Amarante Rio Odres em Marco de Canavezes Rio Ovelha em Marco de Canavezes Ribeiro de Perosinho em Penafiel
  4. 4. No Verão, a água corrente escasseia, originadose grande degradação na sua qualidade. No Inverno, com a abundância de precipitações e a fusão das neves que caem nas serras próximas, os caudais engrossam, transbordando por vezes. Barragens com aproveitamento hidroelétrico: Torrão (Marco de Canaveses), construído em 1988;  Previsão de novos empreendimentos em Vidago e Codeçoso.
  5. 5. Entra em Portugal pela extensa veiga de Chaves,vale estrutural (linha de fractura, VerinRégua), inactivo do ponto de vista sísmico. Este é de abatimento e dissimétrico, conservando ainda o testemunho sedimentar de importante fase lacustre. O rio Tâmega,seguindo sempre uma direcção Norte-Sul, serve de fronteira internacional numa extensão de cerca de 2 km
  6. 6. Na primeira parte do seu curso em Portugal,ficam-lhe a Este as alturas do Brunheiro (919 m), e a Oeste os vários degraus que formam a Serra do Larouco. Em Portugal, o Tâmega, banha os concelhos de Chaves, Ribeira de Pena, terras de Basto, passa por Amarante e Marco de Canaveses, desaguando finalmente em Entre-os-Rios.
  7. 7. Na primeira parte do seu curso em Portugal,ficam-lhe a Este as alturas do Brunheiro (919 m), e a Oeste os vários degraus que formam a Serra do Larouco. Em Portugal, o Tâmega, banha os concelhos de Chaves, Ribeira de Pena, terras de Basto, passa por Amarante e Marco de Canaveses, desaguando finalmente em Entre-os-Rios.

×