Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.

Ser2zero

808 vues

Publié le

Palestra apresentada no EREBD, Rio Grande, RG, 17/4/2009.

Publié dans : Technologie, Voyages
  • Só uma pergunta: essas fotos são suas?
    Se forem, parabéns, pois são belíssimas.
       Répondre 
    Voulez-vous vraiment ?  Oui  Non
    Votre message apparaîtra ici

Ser2zero

  1. 1. Ser ou não ser “2.0” já não é mais a questão! Então... qual é a questão? SKYPE: suelybcs http://delicious.com/suelybcs Cibertecária - Mestre em Educação, Ciência e Tecnologia (FE-UNICAMP) Suely de Brito Clemente Soares Ciberteclando com suelybcs http://suelybcs.wordpress.com http://www.bibliotecariograndense.com.br/erebd/ http://twitter.com/suelybcs MSN: suelybcs@hotmail.com http://slideshare.net/suelybcs SOARES, S. B. C., 2009 Apresentação licenciada por uma licença Creative Commons
  2. 2. Ser ou não ser “ 2.0” já não é mais a questão! Então... qual é a questão? Foco: pessoas... não tecnologias! Web 2.0 é uma soma de tecnologias em que a Web 2.0 nos afeta?
  3. 3. Ser 1.0 é ...
  4. 4. Usar o computador somente como máquina de escrever e/ou pesquisar
  5. 5. Usar a internet somente como leitor passivo: pesquisar baixar imprimir
  6. 6. Usar o celular somente para falar Despertador Câmera Filmadora MP3,4,5... Rádio FM Torpedo Calendário Calculadora Agenda E-mail Bluetooth Check-in TVdigital Modem M-banking GPS Leitor/cartões MSN RealPlayer Gravador
  7. 7. Ser ou não ser “ 2.0” Eu sou ou não sou?
  8. 8. SIM NÃO Por que sim? Por que não?
  9. 9. Brasil = inclusão digital Brasil tem um sistema de urna eletrônica que é modelo para o mundo
  10. 10. Brasil = inclusão digital 97% das declarações de imposto de renda são feitas on-line
  11. 11. Brasil = inclusão digital Brasília, DF, tem 1 ½ telefone celular para cada habitante
  12. 12. Brasil = inclusão digital Brasil tem hoje mais lan-houses do que livrarias
  13. 13. Afinal, o que é ser “ 2.0” upgrade 1.0 p/ 2.0
  14. 14. Slideshare Twitter
  15. 15. Maslow web 2.0 http://www.ducttapemarketing.com/blog/2008/06/09/the-hierarchy-of-social-marketing/
  16. 16. http://blog.bib20.com/2008/06/19/piramide-de-maslow-para-o-interesse-pelas-ferramentas-web-20/
  17. 17. Popularização do uso do termo 2005
  18. 18. O “pai” do termo web 2.0 é Tim O'REILLY (2005) What is web 2.0? http://oreilly.com/
  19. 19. http://www.youtube.com/watch?v=CQibri7gpLM&feature=related
  20. 20. Para o profissional da informação qual a importância de ser ou não ser 2.0 ? informação : externo/explícito * bens e serviços conhecimento : interno/implícito * pessoas
  21. 21. ... mas se informação é poder, compartilhar informação não é perder poder? Web 2.0 = compartilhamento
  22. 22. http://nepo.com.br/2008/10/22/compartilhar-e-perder-poder/ Blog do Carlos Nepomuceno Nepôsts: rascunhos compartilhados
  23. 23. INFORMAÇÃO é / ou era poder? quem detinha a informação, tinha o poder não compartilhando aumentava o seu domínio sobre determinada área ou assunto A informação, de certa forma, não circulava e você passava a ter um valor acumulado ( Carlos Nepomuceno )
  24. 24. INFORMAÇÃO é / ou era poder? a visão antiga de colocar na gaveta, pelo contrário, ao invés de ser um símbolo de poder, é uma perda de status, pois rapidamente aquela informação tende a perder cada vez mais o valor Compartilhar e estar no centro do compartilhamento, nos leva não mais a perder, mas a ganhar o tempo todo, no ritmo que a rede exige ( Carlos Nepomuceno )
  25. 25. colaborador inteligente é aquele que está o tempo todo colocando o seu conhecimento à prova e evoluindo-o com o que há de mais novo naquele campo, não deixando que aquilo que ele sabe perca o valor. ( Carlos Nepomuceno )
  26. 26. Wiki - Uso da Web 2.0 em cursos http://oficina-seer.wikidot.com/
  27. 27. Wiki - Web 2.0 na sala de aula http://editora.wikidot.com/
  28. 28. http://kuramoto.blog.br/
  29. 29. Blog Eloy Rodrigues – Portugal http://cibertecario02.blogspot.com/
  30. 30. http://bibliotecarios2-0.blogspot.com/search/label/SecondLife
  31. 31. http://comunidad20.sedic.es/
  32. 32. No contexto da comunicação científica qual a importância de ser ou não ser 2.0 ? conhecimento: compartilhamento - redes sociais transformações nas inter-relações pessoais informação: suportes - hipermidiática - híbrida transformações na editoração formal
  33. 33. O pesquisador precisa de: v i s i b i l i d a d e ser lido - ser citado isto é, precisa estar inserido na rede social de seus pares publicar em periódicos indexados - bem avaliados (fator de impacto + índice-h) livros - capítulos - palestras - eventos
  34. 34. Citações aviso ao pesquisador navegante: Sorria! você está sendo totalmente vigiado! controle automatizado: avaliação da produção científica pelas citações (fator de impacto – índice-h)
  35. 35. [Bib_virtual] Peer-review on-line? Será o fim dos feudos? ‏ De: bib_virtual-bounces@ibict.br em nome de Cicero Silva (ciceroinaciodasilva@gmail.com) Enviada: quinta-feira, 9 de abril de 2009 20:00:21 - Para: [email_address] Revista Leonardo (MIT Press) e a Universidade do Maine adotam novo sistema de peer-review baseado na avaliação não só de pares, mas on-line de todos interessados nos assuntos, através de sistemas eletrônicos de votação, comentários e anotações. Vejam um dos primeiros exemplos, um livro que é todo comentado on-line (peer review) a ser publicado pela MIT Press: http://lab.softwarestudies.com/2008/05/mit-autoriza-o-uso-de-blog-para-reviso.html   Cicero AVALIAÇÃO/comentários ABAIXO DOS ORIGINAIS SUBMETIDOS – AVALIAÇÃO FEITA ON-LINE PELOS PARES LEITORES E NÃO SOMENTE PELOS REFEREES
  36. 36. http://www.bio-diglib.com/content/3/1/7 Google Scholar, Scopus e WOS (em 2006)
  37. 37. Comentários de leitores neste artigo http://www.bio-diglib.com/content/3/1/7/comments
  38. 39. http://www.del.icio.us.com Compartilhar favoritos
  39. 41. Blogs se afirmam como meios de comunicação científica <ul><li>Web logs ou blogs são as mais recentes </li></ul><ul><li>ferramentas que cientistas estão usando para </li></ul><ul><li>comunicar suas idéias com outros cientistas e </li></ul><ul><li>com o público em geral. </li></ul><ul><li>Nos últimos anos tem aumentado </li></ul><ul><li>progressivamente o número de blogs voltados </li></ul><ul><li>para as ciências. </li></ul><ul><li>Fonte: Newsletter BVS 087 27/fevereiro/2009 </li></ul><ul><li>http://espacio.bvsalud.org/boletim.php?newsletter=20090227&newsLang=pt&newsName=Ne </li></ul><ul><li>wsletter%20BVS%20087%2027/fevereiro/2009&articleId=02171933200950 </li></ul>
  40. 42. [Bib_virtual] Os 24 blogs de ciência no Brasil ‏ De: bib_virtual-bounces@ibict.br em nome de [email_address] Enviada: quinta-feira, 9 de abril de 2009 8:54:25 - Para: Bib_virtual@ibict.br <ul><li>Informação e opinião na web - Condomínio de 24 blogs de </li></ul><ul><li>ciência vira braço nacional do portal americano ScienceBlogs </li></ul><ul><li>Em agosto do ano passado, dois jovens biólogos formados pelo Instituto de </li></ul><ul><li>Biociências da Universidade de São Paulo resolveram montar um pequeno </li></ul><ul><li>portal reunindo blogs sobre ciência. Nascia o Lablogatórios , que </li></ul><ul><li>rapidamente chegou à marca de 24 blogs abrigados debaixo de seu guarda- </li></ul><ul><li>chuva. </li></ul><ul><li>No último dia 17,  o condomínio de blogs sobre ciência do Brasil </li></ul><ul><li>mudou de nome e ganhou um amplitude internacional em sua  trajetória: </li></ul><ul><li>virou o braço brasileiro do ScienceBlogs , uma rede com mais de 60 blogs </li></ul><ul><li>de ciência em inglês criada nos Estados Unidos em 2006 que faz parte do </li></ul><ul><li>Seed Media Group, também dono da revista Seed, de divulgação científica . </li></ul><ul><li>A audiência de todos os blogs do ScienceBlogs Brasil ainda é modesta, mas </li></ul><ul><li>crescente, segundo seus administradores.  Está na casa dos 150 mil </li></ul><ul><li>visitantes por mês , que navegam por cerca de 250 mil páginas . </li></ul>
  41. 43. Apontado como o blog de maior influência no planeta  o Pharyngula  - feito pelo biólogo renomado  Paul Myers, da Universidade de Minnesota,  sobre evolução e desenvolvimento,  semanalmente, tem suas páginas vistas  meio milhão de vezes por milhares de internautas.   A revista científica Nature , uma das mais prestigiadas do mundo defende a idéia de que o jornalismo científico está em declínio, sobretudo depois da  crise econômica em setembro do ano passado e que estão em ascensão os blogs de ciência e as ações de divulgação científica das universidades, institutos de pesquisa e agência de fomento a pesquisa. A Nature , em editorial publicado na mesma edição , recomenda aos cientistas um olhar mais contemporâneo sobre o tradicional jornalismo científico e também sobre os novíssimos blogs de ciência. Os cientistas estão totalmente aptos a atingir mais pessoas do que nunca, mas apenas se eles abraçarem a mesma tecnologia que eles desenvolveram. Obs.: A interface gráfica da Internet, o www , foi inventada e aprimorada  por cientistas num dos templos da pesquisa mundial, o Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (Cern). ver noticia completa em: http://www.revistapesquisa.fapesp.br/? art =5528& bd =2& pg =1& lg
  42. 44. Nota: Tudo indica que a maior parte dos documentos de amanhã, seus estoques  e sua disseminação serão digitais. A grande indagação é como  serão os profissionais da informação de amanhã ou  se estarão preparados por aprendizado para harmonizar esta gestão de documentos para facilitar a vida  dos seus usuários. Fonte: &quot;Informação e opinião na web - Condomínio de 24 blogs de ciência vira braço nacional do portal americano ScienceBlogs reporta Marcos Pivetta para a Edição Online da Pesquisa FAPESP de 08/04/2009 no TWITTER acesse  www.twitter.com/aldoibct tb. postado no   http://avoantes.blogspot.com/ Eu acredito em vcs! Tenho esperança em vcs!
  43. 45. “ 2.0” inversão de consumidor para produtor de agente passivo para agente ativo
  44. 46. Compartilhamento share – social bookmarking D el.icio.us Twitter Facebook ... http://www.addthis.com
  45. 47. <ul><li>BOOKMARK & SHARE </li></ul><ul><li>possibilidade do leitor adicionar aos seus favoritos, enviar e-mail a quem queira ou adicionar nosso(s) portal(ais) em sites de favoritos como Del.icio.us e muitos outros </li></ul><ul><li>observem como revistas do portal CAPES já incluíram este logo nas suas páginas </li></ul><ul><li>utilize o AddThis , serviço gratuito </li></ul><ul><li>http://www.addthis.com </li></ul>
  46. 49. RSS feeds (notícias) em RSS R eally S imple S yndication ferramenta que distribui notícias sem usar e-mail
  47. 50. 2006: textos pelo PDA ou celular http://webinsider.uol.com.br/index. php /2006/01/24/ textos-do-webinsider-em-pdas-e-celulares-via-hands /
  48. 51. utilizar Tabelas Dinâmicas nos artigos <ul><li>http://www.virtual.epm.br/material/tis/curr-med/tab_dinamica/tabdin.html#_Toc452783936 </li></ul><ul><li>Tabela Dinâmica é uma tabela interativa que resume uma grande quantidade de dados rapidamente, ou os combina de tabelas diferentes. </li></ul><ul><li>É possível girar suas linhas e colunas para ver resumos diferentes dos dados de origem, filtrar os dados exibindo páginas diferentes ou exibir os detalhes das áreas de interesse. </li></ul>
  49. 52. Direitos Autorais licenças C reative C ommons + movimento Acesso Aberto à comunicação científica consulte: http://kuramoto.blog.br/
  50. 53. http://creativecommons.org/licenses/by-sa/1.0/deed.pt
  51. 54. Licenças Creative Commons <ul><li>Creative Commons : seja criativo! </li></ul><ul><li>http://biblio.crube.net/?p=600 </li></ul><ul><li>apresentações em Flash que foram usadas no </li></ul><ul><li>V Fórum Internacional de Software Livre, </li></ul><ul><li>no debate Creative Commons </li></ul><ul><li>É uma apresentação bem didática do </li></ul><ul><li>que é esse movimento </li></ul><ul><li>http:// mirrors.creativecommons.org/getcreative/br / http:// mirrors.creativecommons.org/reticulum_rex/br / </li></ul>
  52. 55. Ser ou não ser “ 2.0” já não é mais a questão! Então... qual é a questão?
  53. 56. a questão é ter disposição interesse infra-estrutura [a 3.0 vem aí...]
  54. 57. AUTODIDATISMO Ser autodidata é um estilo de vida
  55. 58. APRENDIZAGEM AO LONGO DA VIDA
  56. 59. INOVAÇÃO EMPREENDEDORISMO Ser criativo, inovador, empreendedor tem um custo
  57. 60. Por que criativos, empreendedores e inovadores sofrem?
  58. 61. HANAWALT, Philip O que não se sabe é o mais importante na ciência. Pesquisa FAPESP , São Paulo, n. 157, p. 8-13, mar., 2009. <ul><li>“ [...] novas idéias, por mais empolgantes que sejam, não </li></ul><ul><li>são necessariamente aceitas . As pessoas não gostam do </li></ul><ul><li>que vai contra os seus modelos ou que, de alguma </li></ul><ul><li>maneira, tira a glória de seus modelos. </li></ul><ul><li>Em minha opinião, é importante proteger os interesses </li></ul><ul><li>dos estudantes com idéias , para que não sejam </li></ul><ul><li>atropelados por egos e pessoas mais bem-estabelecidas, </li></ul><ul><li>que podem suprimir o que eles fazem ou incorporar as </li></ul><ul><li>idéias sem lhes dar crédito adequado (p. 13).” </li></ul>
  59. 62. Seja “2” para que aqueles que são “0” não te tirem do páreo
  60. 63. Não se afunde na rotina das “estradas já asfaltadas” Não sonhe passar toda a vida “atrás de uma mesa” Tenha sempre atividades que te façam “borbulhar”
  61. 64. Certa vez, duas moscas caíram num copo de leite... A primeira era forte e valente. Assim, logo ao cair, nadou até a borda do copo. Como a superfície era muito lisa e suas asas estavam molhadas, não conseguiu escapar. Acreditando que não havia saída, a mosca desanimou, parou de se debater e afundou.
  62. 65. Sua companheira de infortúnio, apesar de não ser tão forte, era tenaz e, por isso, continuou a se debater e a lutar Aos poucos com tanta agitação, o leite ao seu redor formou um pequeno nódulo de manteiga no qual ela subiu Dali, conseguiu levantar vôo e sair do copo
  63. 66. Tempos depois, a mosca tenaz, por descuido, novamente caiu num copo, desta vez cheio de água Como pensou que já conhecia a solução daquele problema, começou a se debater na esperança de que, no devido tempo, se salvasse Outra mosca, passando por ali e vendo a aflição da companheira de espécie, pousou na beira do copo e gritou:
  64. 67. SOLUÇÕES DO PASSADO, EM CONTEXTOS DIFERENTES, PODEM TRANSFORMAR-SE EM PROBLEMAS SE A SITUAÇÃO SE MODIFICOU, DÊ UM JEITO DE MUDAR tem um canudo ali, nade até lá e suba A mosca tenaz respondeu: &quot;Pode deixar que eu sei como resolver este problema&quot; E continuou a se debater mais e mais até que, exausta, afundou na água
  65. 68. Quantos de nós, baseados em experiências anteriores, deixamos de observar as mudanças ao redor e ficamos lutando inutilmente até afundarmos em nossa própria falta de visão! Criamos uma confiança equivocada e perdemos a oportunidade de repensar nossas experiências. Ficamos presos a velhos hábitos que nos levaram ao sucesso e perdemos a oportunidade de evoluir
  66. 69. É por isso que os japoneses dizem que na garupa do sucesso vem sempre o fracasso. Os dois estão tão próximos que a arrogância pelo sucesso pode levar à displicência que conduz ao fracasso. Os donos do futuro sabem reconhecer essas transformações e fazer as mudanças necessárias para acompanhar a nova situação. (Os donos do futuro - Roberto Shinyashiki) Se a única ferramenta que você conhece é o martelo, todo problema que aparece você pensa que é prego .
  67. 70. A comunicação científica está mudando porque a COMUNICAÇÃO mudou
  68. 71. Apesar de todos os avanços tecnológicos resultantes da própria evolução da ciência, a academia tem sido tradicional e conservadora na comunicação científica ... Mas isto está mudando!!! nata do leite [ou da elite]
  69. 72. “ [...] é irônico que pela primeira vez na história as tecnologias da informação criaram a possibilidade da comunidade global, mas fazê-la acontecer, de fato, exige atos do c o r a ç ã o h u m a n o ” (Richard McDermott - Knowing in community)   SKYPE: suelybcs Grata pela atenção! MSN: suelybcs@hotmail.com Ciberteclando com Suelybcs http://suelybcs.wordpress.com http://twitter.com/suelybcs http://delicious.com/suelybcs http://slideshare.net/suelybcs

×