MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx

T

MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx

MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx
QUESTÃO 1
A estocagem e o transporte de produtos perecíveis é conseguida graças aos sistemas de
refrigeração desenvolvidos com o avanço da engenharia. Quem aí já não parou para pensar
como um sistema de refrigeração funciona? Pois é, eu acredito que você já tenha ficado com
esse pensamento. Contudo, não se preocupe! A maioria das respostas podem ser obtidas ao
entender os Fenômenos de Transporte e aplicá-los ao sistema de refrigeração.
De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente, por
dispositivos de potência (compressor), dispositivos de troca térmica (trocadores de calor),
dispositivos de expansão (válvula de expansão), uma rede de tubulação e um fluido
refrigerante.
Fonte: https://revistadofrio.com.br/como-funciona-um-sistema-de-refrigeracao/. Acesso em:
28 abr. 2023.
A rede de tubulação conecta os dispositivos de potência, expansão e de troca térmica e
permite que o fluido refrigerante escoe em todo o sistema sob uma determinada vazão. Os
tubos da rede, geralmente, são construídos de cobre. Da mecânica dos fluidos, sabemos que
todo fluido em escoamento sofre uma perda de pressão devido à rugosidade do material do
tubo. Assim, a mecânica dos fluidos está envolvida no dimensionamento da tubulação do
sistema de refrigeração. Por outro lado, da transferência de calor, sabemos que, nos
dispositivos de troca térmica, o calor será transferido de um corpo de maior para um de menor
temperatura. Dessa forma, a quantidade de calor trocado no evaporador e no condensador,
bem como as áreas de troca térmica são dimensionadas com base nos fundamentos da
transferência de calor.
Para um sistema de refrigeração hipotético, faça o que se pede a seguir:
a) Determine qual deve ser o diâmetro da tubulação de cobre (ε = 0,0015 mm), sabendo que o
fluido (ρ = 0,0015 g mL-1 e µ = 0,012 cP) escoa a uma vazão de 2 kg s-1, e a velocidade do
fluido na rede de tubulação deve ser mantida a 25 m s-1. Informe o diâmetro em polegadas
(in) e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la.
b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine se
o fluido em escoamento se encontra em regime laminar ou turbulento. Justifique.
c) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine o
fator de atrito do escoamento. Demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma
a justificá-la.
d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine a
perda de carga do escoamento. Informe a perda de carga em metros de água por metro de
tubulação (mH2O m-1) e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a
justificá-la.
e) Determine a potência do compressor sabendo que ele opera adiabaticamente com 75% de
eficiência e uma queda de pressão de 465 kPa. Além disso, as perdas por atrito podem ser
desprezadas no compressor, o qual opera a vazão constante de 2 kg s-1 e com os mesmos
fluidos e diâmetros da tubulação (entrada e saída do compressor) informados na alternativa
(a). Informe a potência em kW, considere o fluido como incompressível e demonstre os passos
realizados para obter a resposta de forma a justificá-la.
f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador de calor que
foi projetado para retirar calor do ambiente a ser refrigerado a uma taxa de 75 kJ por kg de
fluido refrigerante utilizado no sistema. O fluido refrigerante circula no sistema a uma vazão de
2 kg s-1 e mantém a parede interna da serpentina de cobre (k = 390 W m-1 K-1 e espessura de
3 mm) do evaporador a 248 K e a parede externa a 258 K. Informe a área em m2 e demonstre
os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la.
g) Considerando as informações da alternativa (f), se o ambiente externo for mantido a -5oC,
determine o coeficiente convectivo do ar presente no ambiente a ser refrigerado. Informe o
coeficiente convectivo em W m-2 K-1 e demonstre os passos realizados para obter a resposta
de forma a justificá-la.

Recommandé

f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador... par
 f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador... f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador...
f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador...Prime Assessoria
4 vues2 diapositives
d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa... par
d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...
d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...Prime Assessoria Acadêmica
5 vues2 diapositives
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf par
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfMAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfPrime Assessoria Acadêmica
7 vues2 diapositives
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf par
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfMAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfPrime Assessoria Acadêmica
2 vues2 diapositives
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf par
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfMAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdf
MAPA – FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 52 2023.pdfPrime Assessoria Acadêmica
3 vues2 diapositives
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 522023.pdf par
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 522023.pdfMAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 522023.pdf
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE – 522023.pdfD&H ASSESSORIA ACADÊMICA
4 vues4 diapositives

Contenu connexe

Similaire à MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx

De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente... par
De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente...De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente...
De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente...Prime Assessoria Acadêmica
6 vues2 diapositives
b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa... par
b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...
b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa...Prime Assessoria Acadêmica
6 vues2 diapositives
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf par
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfMAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfGustavoOliveira186883
4 vues4 diapositives
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf par
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfMAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfMarceloKonish
6 vues4 diapositives
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf par
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfMAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfKaikyKonish
6 vues4 diapositives
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf par
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfMAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdf
MAPA - FENÔMENOS DE TRANSPORTE - 52 2023.pdfGustavoOliveira186883
5 vues4 diapositives

Similaire à MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx(6)

Plus de trabsacad8

MAPA OMNI CHANNEL.docx par
MAPA OMNI CHANNEL.docxMAPA OMNI CHANNEL.docx
MAPA OMNI CHANNEL.docxtrabsacad8
4 vues3 diapositives
MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdf par
MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdfMAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdf
MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdftrabsacad8
11 vues4 diapositives
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdf par
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdfMAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdf
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdftrabsacad8
3 vues8 diapositives
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdf par
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdfMAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdf
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdftrabsacad8
3 vues3 diapositives
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docx par
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docxMAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docx
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docxtrabsacad8
6 vues7 diapositives
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdf par
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdfMAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdf
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdftrabsacad8
7 vues6 diapositives

Plus de trabsacad8(11)

MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdf par trabsacad8
MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdfMAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdf
MAPA CUSTOS DE PRODUÇÃO.pdf
trabsacad811 vues
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdf par trabsacad8
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdfMAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdf
MAPA PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO.pdf
trabsacad83 vues
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdf par trabsacad8
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdfMAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdf
MAPA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELETRICA.pdf
trabsacad83 vues
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docx par trabsacad8
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docxMAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docx
MAPA RESISTENCIA DOS MATERIAIS.docx
trabsacad86 vues
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdf par trabsacad8
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdfMAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdf
MAPA SIMULAÇÃO DE PROCESSOS PRODUTIVOS.pdf
trabsacad87 vues
MAPA ESTRUTURA DE CONCRETO ll.docx par trabsacad8
MAPA ESTRUTURA DE CONCRETO ll.docxMAPA ESTRUTURA DE CONCRETO ll.docx
MAPA ESTRUTURA DE CONCRETO ll.docx
trabsacad83 vues
MAPA GESTÃO DE PROJETOS.pdf par trabsacad8
MAPA GESTÃO DE PROJETOS.pdfMAPA GESTÃO DE PROJETOS.pdf
MAPA GESTÃO DE PROJETOS.pdf
trabsacad85 vues
MAPA FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL.docx par trabsacad8
MAPA FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL.docxMAPA FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL.docx
MAPA FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL.docx
trabsacad84 vues
MAPA ESTRUTURA DE AÇO E MADEIRA.docx par trabsacad8
MAPA ESTRUTURA DE AÇO E MADEIRA.docxMAPA ESTRUTURA DE AÇO E MADEIRA.docx
MAPA ESTRUTURA DE AÇO E MADEIRA.docx
trabsacad811 vues
MAPA CIÊNCIAS DO AMBIENTE.docx par trabsacad8
MAPA CIÊNCIAS DO AMBIENTE.docxMAPA CIÊNCIAS DO AMBIENTE.docx
MAPA CIÊNCIAS DO AMBIENTE.docx
trabsacad83 vues

Dernier

AE03 - CIRCUITOS ELETRICOS UNICESUMAR 54/2023 par
AE03 - CIRCUITOS ELETRICOS UNICESUMAR 54/2023AE03 - CIRCUITOS ELETRICOS UNICESUMAR 54/2023
AE03 - CIRCUITOS ELETRICOS UNICESUMAR 54/2023AssessoriaAcademica9
12 vues4 diapositives
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf par
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdfATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdfloporo7100
5 vues2 diapositives
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ... par
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...mariaclarinhaa2723
10 vues4 diapositives
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdf par
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdfATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdfloporo7100
13 vues5 diapositives
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for... par
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...PrimeEducacional
33 vues2 diapositives
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdf par
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdfATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdf
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdfsoyelax352
5 vues2 diapositives

Dernier(20)

ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf par loporo7100
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdfATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf
loporo71005 vues
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ... par mariaclarinhaa2723
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...
Olá, acadêmico(a)! O objetivo básico dos demonstrativos contábeis é fornecer ...
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdf par loporo7100
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdfATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - AGRON - DESENHO TECNICO E CONSTRUÇÕES RURAIS - 542023.pdf
loporo710013 vues
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for... par PrimeEducacional
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...
A Ciência Contábil desempenha um papel fundamental no mundo dos negócios, for...
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdf par soyelax352
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdfATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdf
ATIVIDADE 1 - CIÊNCIAS POLÍTICAS 542023 .pdf
soyelax3525 vues
ATIVIDADE 3 - TECNOLOGIAS DE CONSTRUÇÃO - 542023.pdf par soyelax352
ATIVIDADE 3 - TECNOLOGIAS DE CONSTRUÇÃO - 542023.pdfATIVIDADE 3 - TECNOLOGIAS DE CONSTRUÇÃO - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - TECNOLOGIAS DE CONSTRUÇÃO - 542023.pdf
soyelax3525 vues
Dia Nacional do Campo Limpo 2023 celebra um marco: desde 2002, agricultores, ... par AaAssessoriadll
Dia Nacional do Campo Limpo 2023 celebra um marco: desde 2002, agricultores, ...Dia Nacional do Campo Limpo 2023 celebra um marco: desde 2002, agricultores, ...
Dia Nacional do Campo Limpo 2023 celebra um marco: desde 2002, agricultores, ...
AaAssessoriadll11 vues
MAPA - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 54/2023 par AcademiaDL
MAPA - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 54/2023MAPA - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 54/2023
MAPA - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 54/2023
AcademiaDL9 vues
ATIVIDADE 3 - ESTRUTURAS DE CONCRETO I - 542023.pdf par soyelax352
ATIVIDADE 3 - ESTRUTURAS DE CONCRETO I - 542023.pdfATIVIDADE 3 - ESTRUTURAS DE CONCRETO I - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - ESTRUTURAS DE CONCRETO I - 542023.pdf
soyelax3525 vues
ATIVIDADE 3 - CIENCIAS DO AMBIENTE - 542023.pdf par loporo7100
ATIVIDADE 3 - CIENCIAS DO AMBIENTE - 542023.pdfATIVIDADE 3 - CIENCIAS DO AMBIENTE - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - CIENCIAS DO AMBIENTE - 542023.pdf
loporo71007 vues
MAPA - EDUCAÇÃO, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA - 542023.pdf par wogafib965
MAPA - EDUCAÇÃO, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA - 542023.pdfMAPA - EDUCAÇÃO, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA - 542023.pdf
MAPA - EDUCAÇÃO, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA - 542023.pdf
wogafib9655 vues
Questão 1 LISTE e EXPLIQUE as sete perdas na construção civil. Questão 2 ARGU... par vihoj47492
Questão 1 LISTE e EXPLIQUE as sete perdas na construção civil. Questão 2 ARGU...Questão 1 LISTE e EXPLIQUE as sete perdas na construção civil. Questão 2 ARGU...
Questão 1 LISTE e EXPLIQUE as sete perdas na construção civil. Questão 2 ARGU...
vihoj474926 vues
UNID 6 – Associação de impedâncias 1 – Calcule o valor da impedância equivale... par vihoj47492
UNID 6 – Associação de impedâncias 1 – Calcule o valor da impedância equivale...UNID 6 – Associação de impedâncias 1 – Calcule o valor da impedância equivale...
UNID 6 – Associação de impedâncias 1 – Calcule o valor da impedância equivale...
vihoj474925 vues
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf par soyelax352
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdfATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf
ATIVIDADE 3 - NIVELAMENTO DE MATEMÁTICA - 542023.pdf
soyelax3526 vues
Boletim Informativo Novembro 2023.pdf par Ferreira Lapa
Boletim Informativo Novembro 2023.pdfBoletim Informativo Novembro 2023.pdf
Boletim Informativo Novembro 2023.pdf
Ferreira Lapa22 vues
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS.docx par loporo7100
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS.docx
loporo71005 vues
O diagrama trajeto passo, também conhecido como diagrama sequencial ou diagra... par vihoj47492
O diagrama trajeto passo, também conhecido como diagrama sequencial ou diagra...O diagrama trajeto passo, também conhecido como diagrama sequencial ou diagra...
O diagrama trajeto passo, também conhecido como diagrama sequencial ou diagra...
vihoj4749213 vues

MAPA FENOMENOS DE TRANSPORTE.docx

  • 2. QUESTÃO 1 A estocagem e o transporte de produtos perecíveis é conseguida graças aos sistemas de refrigeração desenvolvidos com o avanço da engenharia. Quem aí já não parou para pensar como um sistema de refrigeração funciona? Pois é, eu acredito que você já tenha ficado com esse pensamento. Contudo, não se preocupe! A maioria das respostas podem ser obtidas ao entender os Fenômenos de Transporte e aplicá-los ao sistema de refrigeração. De uma forma generalizada, um sistema de refrigeração é composto, basicamente, por dispositivos de potência (compressor), dispositivos de troca térmica (trocadores de calor), dispositivos de expansão (válvula de expansão), uma rede de tubulação e um fluido refrigerante. Fonte: https://revistadofrio.com.br/como-funciona-um-sistema-de-refrigeracao/. Acesso em: 28 abr. 2023. A rede de tubulação conecta os dispositivos de potência, expansão e de troca térmica e permite que o fluido refrigerante escoe em todo o sistema sob uma determinada vazão. Os tubos da rede, geralmente, são construídos de cobre. Da mecânica dos fluidos, sabemos que todo fluido em escoamento sofre uma perda de pressão devido à rugosidade do material do tubo. Assim, a mecânica dos fluidos está envolvida no dimensionamento da tubulação do sistema de refrigeração. Por outro lado, da transferência de calor, sabemos que, nos dispositivos de troca térmica, o calor será transferido de um corpo de maior para um de menor temperatura. Dessa forma, a quantidade de calor trocado no evaporador e no condensador, bem como as áreas de troca térmica são dimensionadas com base nos fundamentos da transferência de calor. Para um sistema de refrigeração hipotético, faça o que se pede a seguir: a) Determine qual deve ser o diâmetro da tubulação de cobre (ε = 0,0015 mm), sabendo que o fluido (ρ = 0,0015 g mL-1 e µ = 0,012 cP) escoa a uma vazão de 2 kg s-1, e a velocidade do fluido na rede de tubulação deve ser mantida a 25 m s-1. Informe o diâmetro em polegadas (in) e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la. b) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine se o fluido em escoamento se encontra em regime laminar ou turbulento. Justifique.
  • 3. c) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine o fator de atrito do escoamento. Demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la. d) Utilizando as informações do fluido e da tubulação expostas na alternativa (a), determine a perda de carga do escoamento. Informe a perda de carga em metros de água por metro de tubulação (mH2O m-1) e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la. e) Determine a potência do compressor sabendo que ele opera adiabaticamente com 75% de eficiência e uma queda de pressão de 465 kPa. Além disso, as perdas por atrito podem ser desprezadas no compressor, o qual opera a vazão constante de 2 kg s-1 e com os mesmos fluidos e diâmetros da tubulação (entrada e saída do compressor) informados na alternativa (a). Informe a potência em kW, considere o fluido como incompressível e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la. f) Determine a área de troca térmica do evaporador sabendo ele é um trocador de calor que foi projetado para retirar calor do ambiente a ser refrigerado a uma taxa de 75 kJ por kg de fluido refrigerante utilizado no sistema. O fluido refrigerante circula no sistema a uma vazão de 2 kg s-1 e mantém a parede interna da serpentina de cobre (k = 390 W m-1 K-1 e espessura de 3 mm) do evaporador a 248 K e a parede externa a 258 K. Informe a área em m2 e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la. g) Considerando as informações da alternativa (f), se o ambiente externo for mantido a -5oC, determine o coeficiente convectivo do ar presente no ambiente a ser refrigerado. Informe o coeficiente convectivo em W m-2 K-1 e demonstre os passos realizados para obter a resposta de forma a justificá-la.