Ce diaporama a bien été signalé.
Le téléchargement de votre SlideShare est en cours. ×

1º Encontro de Saveiros no Rio Paraguaçu - São Félix-Ba.pdf

Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Publicité
Chargement dans…3
×

Consultez-les par la suite

1 sur 7 Publicité

Plus De Contenu Connexe

Plus récents (20)

Publicité

1º Encontro de Saveiros no Rio Paraguaçu - São Félix-Ba.pdf

  1. 1. 1º Encontro de Saveiros      Idealizado por: Wandick Vieira 
  2. 2. APRESENTAÇÃO: O ENCONTRO DE SAVEIROS DO RIO PARGUAÇU é uma proposta turístico e cultural, onde se busca reviver uma época áurea nos Municípios de São Félix e Cachoeira, quando o meio de transporte era as embarcações a vela. O porto da cidade era embelezado com os Saveiros que vinham de várias partes e atracavam no cais da cidade isto por décadas. A partir dos anos 40 e 50, veio o declínio do transporte marítimo, consequentemente, não foi diferente aqui no Rio Paraguaçu. Com a abertura da Ba 420 que liga a cidade de São Félix a capital, com transportes de carga mais modernos e rápidos para longa distancia. Nos anos compreendido entre 10 a 50 os saveiros eram o meio de transporte de carga para longa distância, que vinha da capital, trazendo as mercadorias para abastecer as cidades circunvizinhas e outros estados do país. Hoje esse momento fica só na lembrança das pessoas idosas que admiravam a exuberância do cais do Porto. Por isso busco resgatar estes importante momentos agora de forma cultural e por conseguinte turística por entender que esta memória do passado não venha morrer definitivamente. .
  3. 3. OBJETIVO GERAL: Motivar e provocar as pessoas, para uma reflexão sobre uma época que era promissora em que os saveiros estavam no auge sua existência e que era de grande serventia para o comercio local e a região. Hoje este projeto é apresentado como uma alternativa para alavancar o turismo náutico na cidade de São Félix, Cachoeira e região. OBJETIVO ESPECÍFICO: 1-Realizar o ENCONTRO DE SAVEIROS DO RIO PARGUAÇU na cidade de São Félix nos dia 27,28 e 29 de setembro de 2019;. 2- Instaurar o encontro de saveiros no calendário permanente das cidades turísticas de São Félix tendo a presença perene de Cachoeira; 3-Tornar o evento um empreendimento turístico para a cidade de São Félix;
  4. 4. JUSTIFICATIVA: São Felix, cidade denominada Presépio, e Patrimônio Cultural do Brasil outorgada pela Lei Federal de nº de 9 de novembro de 2009. Cidade inserida no recôncavo sul, que nas décadas de 20 a 50 tinha grande movimentação no cais do porto, onde se celebravam a potência do município no contexto empresarial Fumagéiro, de secos e molhados, de cana de açúcar e café. A importância deste município no cenário baiano e brasileiro tinha um grau tão elevado que uma instituição financeira estatal (Banco do Brasil) instalou uma unidade na cidade, a (40) quadragésima do território brasileiro, ficando pra trás as cidades como: Feira de Santana, Ilhéus etc.., todo isso graças a economia forte da cidade por ser um entreposto da capital aos municípios vizinho e para uma parte do pais. Tudo isso se deu graças aos Saveiros, que era o meio de transportes mais adequado para época. Sendo assim nada melhor do que presentear as água do Paraguaçu que banha as cidades co-irmães São Félix e Cachoeira com este evento turístico e cultural, que trará aos municípios além de renda valorização e preservação dos saveiros que estão esquecidos e preservação deste grande Rio.
  5. 5. PÚBLICO ALVO: Admiradores e amantes dos Saveiros e do turismo náutico da capital e toda região costeira como: São Félix, Cachoeira, Maragogipe, Muritiba, Governador Mangabeira, Cruz das Almas e Conceição da Feira Etc..... PÚBLICO ESTIMADO: . Estima-se um público aproximado de 1.000 (mil) pessoas por dia, compreendendo 3.000 no período de 03 três dias .
  6. 6. Programação: Dia 27/09 (Sexta Feira) Maré alta as 14h:50m Chegada dos barcos com os oleiros de Maragogipinho e Fazendeira de louças de Coqueiros. As 10:00h abertura do Evento com a Palestra Preservar a memoria dos saveiros é necessário - Palestrante Associação de Saveiros da Bahia. Às 14h:00m oficina de confecção de (Nós) de Marinheiro, (Estande instalado no porto da cidade). Após a palestra abertura da exposição de miniaturas de saveiro do artesão (BIRA) no espaço da pousada La Buena Vida ou Instituto Dannemman. As 17:00h – apresentação da Puxada de Rede. ( no Porto) As 17:30h-- Feira de artesanato e Caxixis na Av. Salvador Pinto (Porto). As 20:00 Show musical – Voz e violão (Área Verde do cais).
  7. 7. Dia: 28/09 (Sábado) Maré alta as 15h:32m Feira de artesanato na Avenida Salvador Pinto (Porto) Barracas com comidas típicas. As 10:00h Concurso de Saveiros. As 21:00 h Show Musical – Voz e violão (Área Verde do cais). Dia: 29/09 (Domingo) Maré alta as 16h:14m As 10:00 h Procissão marítima de Bom Jesus dos Navegantes As 15:00 h Premiação dos Saveiros As 15:30 h Samba de Roda As 16:00 h Levada do presente para oxum à Pedra da Baleia. As 17:00 h Encerramento e Show musical - Voz e violão As 19:00 h Show musical – Voz e violão (Área Verde do cais).  

×