Ce diaporama a bien été signalé.
Nous utilisons votre profil LinkedIn et vos données d’activité pour vous proposer des publicités personnalisées et pertinentes. Vous pouvez changer vos préférences de publicités à tout moment.
A Tectónicade Placas e a distribuiçãodas espécies   Prof. Ana Rita Rainho
Já pensaste que…   Há espécies que só existem numa parte   específica do mundo…   …e há espécies que existem em   continen...
Espécies semelhantes em continentes afastados
Elefante Africano                    Loxodonta africanaElefante AsiáticoElephas maximus
Ema – Rhea americana   Avestruz - Struthio camelus  (América do Sul)               (África)
Jaguar – Panthera onca                                     (Brazil)Leopardo – Panthera pardus         (África)
Como? As espécies aparecem num único sítio, espalhando-se depois. Quando as espécies apareceram, os continentes ainda não ...
Um caso especial e uma exceção à regra:        Mas há espécies que só        existem na Austrália…        Os marsupiais – ...
Canguru – Macropus giganteus
Wombat – Vombatus ursinus
Koala(Phascolarctos cinereus)
Numbat – Myrmecobius fasciatus
Possum planador(Petaurus breviceps)
Diabo da Tasmânia(Sarcophilus harrisii)
Como? A Austrália foi dos primeiros continentes a separar-se da Pangea. Nessa altura os Marsupiais eram dominantes na Aust...
Os marsupiais e os mamíferos   Os marsupiais são uma forma mais primitiva de   mamíferos, que completam parte do seu   des...
Conclusão As espécies que                    As espécies que apareceram apareceram antes de                depois de os co...
E assim se explica porque é que algumas espécies existemem sítios tão diferentes e outras   só em alguns continentes.
Mais material disponível em: www.espacociencias.com
Prochain SlideShare
Chargement dans…5
×

CN7-Distribuição das espécies

Para fazer o download (novo link): http://www.espacociencias.com

Livres associés

Gratuit avec un essai de 30 jours de Scribd

Tout voir
  • Soyez le premier à commenter

CN7-Distribuição das espécies

  1. 1. A Tectónicade Placas e a distribuiçãodas espécies Prof. Ana Rita Rainho
  2. 2. Já pensaste que… Há espécies que só existem numa parte específica do mundo… …e há espécies que existem em continentes muito afastados. Porquê?
  3. 3. Espécies semelhantes em continentes afastados
  4. 4. Elefante Africano Loxodonta africanaElefante AsiáticoElephas maximus
  5. 5. Ema – Rhea americana Avestruz - Struthio camelus (América do Sul) (África)
  6. 6. Jaguar – Panthera onca (Brazil)Leopardo – Panthera pardus (África)
  7. 7. Como? As espécies aparecem num único sítio, espalhando-se depois. Quando as espécies apareceram, os continentes ainda não se tinham separado. Quando os continentes se separaram, as espécies separaram-se também.
  8. 8. Um caso especial e uma exceção à regra: Mas há espécies que só existem na Austrália… Os marsupiais – são mamíferos, mas as suas crias têm parte do seu desenvolvimento dentro de uma bolsa da mãe.
  9. 9. Canguru – Macropus giganteus
  10. 10. Wombat – Vombatus ursinus
  11. 11. Koala(Phascolarctos cinereus)
  12. 12. Numbat – Myrmecobius fasciatus
  13. 13. Possum planador(Petaurus breviceps)
  14. 14. Diabo da Tasmânia(Sarcophilus harrisii)
  15. 15. Como? A Austrália foi dos primeiros continentes a separar-se da Pangea. Nessa altura os Marsupiais eram dominantes na Austrália Quando os mamíferos evoluíram no resto da Pangea, a Austrália já estava separada. Por isso os marsupiais nunca evoluíram na Austrália como no resto do continente.
  16. 16. Os marsupiais e os mamíferos Os marsupiais são uma forma mais primitiva de mamíferos, que completam parte do seu desenvolvimento embrionário fora do corpo da mãe, numa bolsa especial. Os mamíferos atuais apareceram por evolução de grupos de mamíferos marsupiais, que acabaram por desaparecer.
  17. 17. Conclusão As espécies que As espécies que apareceram apareceram antes de depois de os continentes se os continentes se terem terem separado não se separado foram chegaram a desenvolver em também separadas. todo o lado. Por isso existem em continentes Por isso só existem no que hoje se encontram muito local onde apareceram afastados. (como os marsupiais da Austrália).
  18. 18. E assim se explica porque é que algumas espécies existemem sítios tão diferentes e outras só em alguns continentes.
  19. 19. Mais material disponível em: www.espacociencias.com

×